Como escolher a profissão certa

Como escolher a profissão certa

Escolher a profissão certa não é fácil, mas com o acompanhamento certo é possível. Estamos a falar de uma decisão que influencia toda a nossa vida e, por isso, devemos ter todo o cuidado na hora de resolver qual profissão seguir.

Nesse sentido, nós desenvolvemos aqui este artigo para dar todas as ferramentas possíveis para que consigas escolher a tua carreira da forma certa.

Além disso, temos este e-book gratuito, com as profissões de futuro e com todas as informações que precisas para entrares no mercado de trabalho com o pé direito. Sabendo que tudo está em constante mudança e estamos, de facto, a viver uma revolução no que diz respeito às profissões, aconselhamos-te a leres este e-book.

Agora que as introduções estão feitas, vamos ver todos os passos para escolher a profissão certa.

Passo a passo: Como escolher a profissão certa

Para escolher a profissão certa é preciso ter, antes de mais nada, conhecimento sobre as diferentes carreiras, mas também autoconhecimento. Conhecermo-nos a nós mesmos é essencial para conseguir escolher uma profissão que se encaixe na nossa personalidade, perfil e gostos pessoais.

De que adianta seguir uma profissão de recursos humanos se o que gosta, realmente, é de viver junto da natureza e lidar com animais? Da mesma forma, de que adianta seguir a profissão de hospedeiro de bordo (comissário de bordo, ou aeromoça no Brasil) se o seu sonho é criar raízes, constituir família e comprar uma casa?

Para sermos felizes, a nossa profissão tem de ser compatível com a nossa personalidade e com os nossos sonhos e objetivos de vida. Por isso, o autoconhecimento é essencial para se fazer a escolha acertada.

Para facilitarmos um pouco a tua vida, vamos ver aqui algumas dicas que podem ser valiosas!

1 – Conhece as profissões que se enquadram aos teus gostos pessoais

Se já sabes quais são os teus gostos pessoais, as disciplinas e matérias que mais gostas de estudar, então está na hora de descobrir quais são as profissões que vão ao encontro deles.

O Guia das Profissões oferece-te um simulador de profissões, totalmente gratuito, que te permite saber, mediante a seleção daquilo que mais gostas, as profissões que se encaixam no teu perfil.

Vamos ver um exemplo na prática.

Gostas de História e Cultura das Artes, Desenho, Oficinas de Artes e Multimédia. Falas português e inglês, e preferes trabalhar a partir de casa ou ao ar livre.

A profissão que reúne todas estas “exigências” é o Desenhador Audiovisual.

Mas se tiveres as mesmas preferências e quiseres trabalhar numa empresa, junto dos colegas de trabalho, o simulador já te dá como opções:

  • Designer Gráfico
  • Desenhador Audiovisual
  • Arquitetura e Urbanismo
  • Designer de Moda
  • Decoração de Interiores

Neste primeiro momento, o nosso conselho é que vás descobrindo as profissões que se enquadram no teu perfil a partir do nosso simulador.

Além de conseguires perceber as áreas de atuação que mais se enquadram aos teus gostos, vais acabar por descobrir profissões novas, que não conhecias.

2 – Conhece o Mercado de Trabalho

O mercado de trabalho está sempre a mudar. O que ontem era uma verdade, hoje já não o é. Os avanços tecnológicos estão mais rápidos do que nunca e o mercado de trabalho não podia ficar de fora de todas estas transformações.

Há uns anos, era impensável podermos trabalhar a partir de casa. Hoje, são muitas as profissões que podem ser desempenhadas a partir de qualquer lugar do mundo, basta ter uma ligação à internet.

Com a internet, surgiram também novas profissões, como, por exemplo:

  • YouTuber
  • Blogger (Blogueiro)
  • Profissional de Marketing Digital
  • Gestor de Tráfego Pago

Estes são apenas alguns dos muitos exemplos de profissões recentes que surgiram por causa da internet. Mas existem muitas outras.

Os avanços tecnológicos transformaram também a indústria e a agricultura. Hoje tudo é mais tecnológico e, por isso, existe uma transformação clara de todas as profissões.

Daí ser muito importante teres uma noção clara de como está o mercado de trabalho atual. Mais uma vez, aconselhamos a leitura do nosso e-book gratuito “Profissões do Futuro: Como se preparar para o novo mercado de trabalho”.

3 – Descobre como funciona o Mercado de Trabalho

É muito importante estarmos a par de como funciona o mercado de trabalho. Saber quais as profissões mais procuradas, quais aquelas que tendem a desaparecer e aquelas que vão ter um boom nos próximos anos é essencial para conseguirmos fazer uma escolha mais acertada.

Por exemplo, imagina que já escolheste que queres trabalhar com teatro, mas não queres ser ator. É importante saberes que a profissão de Ponto, por exemplo, está em extinção, ou seja, vai desaparecer mais ano menos anos. Pelo contrário, a profissão de caracterizador está em alta.

As duas profissões estão ligadas ao teatro, mas uma tem muito mais oportunidades de carreira do que outra.

Tendo em conta que este é um cenário mais comum do que imaginas, é muito importante estares a par do mercado de trabalho e perceberes como ele funciona.

4 – Procura Orientação Vocacional

Como dissemos, escolher a profissão certa não é nada fácil. Se algumas pessoas sabem desde cedo o que querem fazer profissionalmente, outras vivem na angústia de ainda não terem descoberto um talento ou uma vocação profissional.

Se este é o teu caso, então talvez seja bom procurares uma ajuda profissional. Os psicólogos podem ser muito úteis na hora de dar orientação vocacional. Eles conseguem trabalhar contigo os teus gostos, a tua personalidade, de forma a que consigam orientar-te para uma área.

Claro que não vão dar-te a profissão certa, mas podem dizer-te, pelo menos, quais as áreas profissionais que mais se identificam contigo.

5 – Testes Vocacionais

Umas das melhores armas que temos em mãos para escolher a profissão certa são os testes vocacionais. Os psicólogos também os usam para conseguirem determinar as áreas profissionais que mais se adequam ao teu perfil.

Estes testes têm como objetivo determinar quais os teus gostos, quais os traços de personalidade determinantes, e assim conseguir identificar as áreas profissionais que melhor se adequam ao teu perfil, assim como as profissões que se encaixam na perfeição.

6 – Procura a opinião da família para escolher a profissão certa

Escolher a profissão certa não é fácil, e a verdade é que só nós conseguimos ter certeza do que é melhor para nós. No entanto, a família pode ser um apoio nesta hora. Os nossos pais, irmãos, conhecem-nos muito bem, e talvez possam dar-nos uma luz.

Não podem, nem devem, dar-nos a solução. Eles não podem escolher por nós. Mas podem dar-nos uma ajuda a chegar a uma conclusão.

É claro que não podes deixar que eles vão contra os teus sonhos. Se, por exemplo, gostas mais da área de Ciências Exatas, mas a tua família faz questão que sigas Letras, então é porque não estão a ajudar-te. Neste caso, não deves ponderar se deves seguir a vontade da família ou a tua.

O futuro é teu, por isso tens de ter o teu futuro nas tuas mãos, não nas mãos dos outros.

7 – Conhece detalhes sobre a profissão

Depois de escolher a profissão certa, ou as profissões mais acertadas para o teu perfil, é bom conhecê-la em detalhe. Aqui, no Guia das Profissões, podes encontrar todas as informações importantes sobre as profissões.

É importante desmistificar as profissões e carreiras, porque muitas pessoas têm uma ideia errada do que é o dia a dia de um profissional. Aqui, nós damos-te informações sobre a realidade dos profissionais para que consigas escolher com mais consciência.

8 – Procura vivenciar a profissão

Uma forma de sabermos que estamos a escolher a profissão certa é experimentando. Não há nada como estar na ação para entendermos como é o dia a dia e se é isso mesmo que queremos.

Portanto, depois de teres algumas opções boas e que gostes, procura vivenciar essas profissões. Procura por profissionais da área, conversa com eles e pede para ficar no local enquanto ele trabalha.

Podes não acreditar, mas, muitas vezes, temos uma profissão na cabeça que achamos que é perfeita e quando começamos a trabalhar percebemos que não era nada daquilo que queríamos.

A verdade é que todas as profissões têm coisas boas e más. Vai haver sempre coisas que gostas muito, e outras que vais odiar. Mas há coisas que simplesmente não toleramos e não aguentamos.

Por isso é essencial tomar consciência da realidade da profissão antes de avançarmos sem olhar para alternativas.

9 – Conhece os cursos e faculdades

Assim que escolheres a profissão, ou tiveres em mãos uma lista de profissões que te agradam, está na hora de olhar para coisas práticas. Qual o curso que precisas ter para seguires a profissão? Será que tens capacidades de concluir um determinado curso?

Não basta escolher a profissão certa, é preciso saber se somos capazes de nos formar para seguirmos uma profissão.

Por exemplo, imagina que resolveste seguir medicina. No entanto, não consegues ter boas notas a matemática e a química. Portanto, o teu sonho de ser médico pode estar, à partida, condenado.

É claro que deves sempre investir num sonho, mas temos de ser realistas e perceber se seremos capazes, ou não.

É a mesma coisa para todas as profissões. Imagina que queres ser baterista, mas não tens coordenação motora. Ou queres ser contorcionista, mas não tens flexibilidade nem controlo sobre o teu corpo.

Tudo tem de ser ponderado antes de investir de corpo e alma numa profissão.

Também é bom veres quais são as cadeiras que vais ter no curso na faculdade. As matérias podem ser diferentes, mesmo dentro de um mesmo curso. Por isso, na hora de escolheres uma faculdade, dá uma olhadela à grade curricular.

10 – Podes sempre mudar de carreira e escolher a profissão certa

O último ponto que te queremos falar aqui, neste artigo sobre escolher a profissão certa, diz respeito à mudança de carreira. A nossa vida dá muitas voltas e nós próprios vamos mudando com o tempo. Isso quer dizer que podemos hoje estar numa profissão que adoramos, mas daqui a 10 anos já não fazer sentido.

Nada estará perdido! Temos sempre hipóteses de mudar de profissão e carreira. Basta olharmos para uma turma na faculdade e percebemos que existem muitas pessoas adultas e mais velhas ali sentadas.

Portanto, a escolha da profissão não deve ser um momento de stress extremo. Existe sempre a possibilidade de mudar, de escolher uma outra profissão, mesmo depois de concluirmos um curso ou estarmos a trabalhar numa determinada área.

Conclusão: Como escolher a profissão certa?

Escolher a profissão certa não é fácil, mas a verdade é que temos de fazer esta escolha, mais cedo ou mais tarde. Por isso mesmo é que te demos aqui as informações mais importantes, com passos essenciais, de forma a que consigas tomar uma decisão mais consciente e realista.

Não penses também que é um bicho de sete cabeças! Não é! A tua vocação já existe, só tens de descobrir qual é. Se seguires todos estes passos que te demos, vais ver que será muito mais fácil encontrares a profissão mais acertada para ti, que encaixa na perfeição ao teu perfil e personalidade.

E mesmo que te enganes e percebas, mais tarde, que não era bem isso que querias para a tua vida, lembra-te que podes sempre mudar de carreira e profissão.

Nunca é tarde para procurarmos a nossa própria felicidade. Não há nada no mundo que te possa deter quando o assunto é seres feliz e realizado.

Esperamos que agora já consigas escolher a profissão certa com mais segurança, e esperamos também que estejas confiante que vais ser feliz. E não te esqueças, luta sempre pelos teus sonhos!

Partilhar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top