Engenharia Agrícola

engenharia agrícola

Engenharia Agrícola, ou engenharia agronómica, é a área de estudo e pesquisa agrícola, tendo como principal objetivo a implementação da tecnologia para os cultivos e lavouras. Podemos dizer que esta é a ciência que faz a ponte entre a agricultura, setor primário, e a engenharia, colocando a segunda em prol da primeira.

Outros nomes para esta profissão: Engenheiro agrónomo, Engenheiro agrícola, Engenharia Agronómica

  • Modalidades: Presencial, Ar Livre
  • Ordenado Médio Mensal: 1500€ - 2000€
  • Empregabilidade: Média
  • Empregabilidade: Trabalho em Equipa
  • Disciplinas do Secundário/ensino médio: Biologia, Física, Geologia, Informática, Matemática, Materiais e Tecnologias, Química
  • Idiomas: Inglês, Português

O engenheiro agrícola, ou engenheiro agrónomo, trabalha para que os processos sejam otimizados, assim como para potencializar os recursos.

Para isso, ele aplica os vários conhecimentos de elétrica, mecânica, sempre olhando com especificidade para o ambiente rural.

Todos aqueles que tenham interesse em fazer o curso, é preferencial que tenham conhecimentos alargados em ciências exatas, assim como ter demonstrado já gosto pela área.

Vejamos, então, agora o que faz um engenheiro agrícola no seu dia a dia, quais as suas funções, quais as saídas para o mercado de trabalho e como poderá entrar na carreira de Engenharia Agrícola.

O que faz um Engenheiro Agrícola?

Sem dúvida, a preocupação com o meio ambiente é crescente na sociedade atual. Por isso, os engenheiros agrícolas são cada vez mais necessários, especialmente se queremos que o nosso planeta seja sustentável e um lugar habitável para os nossos filhos e netos.

O profissional formado em Engenharia Agrícola terá todos os conhecimentos necessários para conseguir o melhor uso dos recursos naturais que estão disponíveis no ambiente, assim como o plantio em regiões que consideramos inapropriadas.

Sendo assim, podemos dizer que este profissional, não só luta por um mundo onde o meio ambiente é protegido, como luta também contra a fome, ao passo que permite plantações em lugares nunca antes pensados.

Vejamos, na prática, as suas funções!

Quais as suas funções

O engenheiro agrónomo trabalha em todas as etapas de produção agrícola. Como tal, ele atua em diferentes áreas, usando o seu conhecimento para o desenvolvimento de tecnologias que possam potencializar os processos, assim como ajudar no uso dos recursos naturais de forma sustentável.

Para sabermos exatamente as suas funções, é importante olharmos para cada área de atuação de forma particular.

Construções rurais

Nesta área, o Engenheiro é responsável por determinar as dimensões das estruturas, assim como é responsável por determinar as diversas formas de uso e os materiais que serão necessários para a construção de:

  • Estufas,
  • Barragens,
  • Sistemas de drenagem,
  • Sistemas de irrigação,
  • Instalações de sistemas de produção vegetal,
  • Instalações de sistemas de produção animal.

Armazenamento e processamento de produtos agrícolas

O engenheiro a trabalhar nesta área tem de dominar todos os processos da cadeia produtiva, desde a colheita até ao transporte, secagem, limpeza, controlo de qualidade, assim como armazenamento dos produtos.

Energia

Aqui, o profissional tenta encontrar soluções para problemas relacionados com a gestão de recursos energéticos na agricultura. De entre as diversas tarefas a serem realizadas por ele, podemos destacar, por exemplo:

  • Instalações elétricas domiciliárias
  • Aproveitamento de pequenas quedas de água
  • Dimensionamento de alimentadores
  • Distribuição elétrica nas instalações
  • Contactos com concessionárias de eletrificação rural

Meteorologia agrícola

O profissional que trabalha nesta área dedica-se ao estudo dos elementos meteorológico, assim como às atividades agropecuária. É sua função quantificar as necessidades hídricas para, assim, poder dimensionar os sistemas de irrigação.

Será sua responsabilidade realizar todos os projetos para otimização do conforto térmico das instalações, assim como das condições de humidade (umidade) para determinar o tempo de secagem dos grãos.

Mecanização agrícola

Nesta área, o profissional faz projetos de otimização e construção de equipamentos e máquinas agrícolas, os quais, posteriormente, serão usados na preparação do solo, cultivo, plantio, colheita, e transporte dos produtos.

Recursos hídricos e ambientais

O trabalho do engenheiro agrícola nesta área é muito importante, tendo em conta a necessidade de olharmos para os recursos naturais e para o ambiente de forma responsável e sustentável.

Sendo assim, ele faz toda a gestão dos recursos naturais, como:

  • Avaliação de projetos de Irrigação,
  • Avaliação de projetos de conservação de água e solo de bacias hidrográficas,
  • Criação e implementação desses projetos.

Este profissional irá participar de todos os projetos de estruturas hidráulicas, assim como irá ter um papel importante no controlo dos impactos ambientais e da poluição.

Saídas no Mercado de Trabalho

O engenheiro agrónomo, ou agrícola, trabalha em todas as etapas do processo de produção agrícola, seja ela vegetal ou animal. Sendo assim, ele poderá atuar em todas as etapas da agropecuária.

Poderão atuar numa determinada empresa, ou então poderão seguir uma carreira de freelancer. Neste caso, o especialista em engenharia agrícola pode prestar consultadoria, pode prestar assistência técnica, ou fazer estudos técnicos específicos.

Como entrar na carreira de Engenharia Agrícola

Para se tornar Engenheiro agrónomo tem de ter o curso de Engenharia Agrícola.

Brasil:

O curso tem uma base muito teórica nos primeiros 2 anos, os quais focarão em disciplinas como matemática, física, química e biologia. Terá um foco muito grande em biologia e química.

Os restantes anos da graduação focarão mais em matérias específicas como, por exemplo:

  • Tecnologia dos materiais
  • Topografia / Planimetria
  • Mecânica dos solos e fundações
  • Agrometeorologia
  • Energização de sistemas agroindustriais
  • Sensoriamento remoto
  • Física do solo e conservação do solo e água

Durante o curso, as questões do meio ambiente e da ética estão também muito presentes, até porque esta profissão implica a utilização de recursos naturais, e, por isso, é necessário olhar para estas questões de forma responsável.

Onde estudar Engenharia Agrícola

Portugal:

Brasil:

Se quer iniciar uma carreira de sucesso, numa área com muito potencial, então a engenharia agrícola, ou engenharia agronómica, é a escolha perfeita! Excelente opção!

Partilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima