Engenheiro Alimentar / Engenharia de Alimentos

Engenheiro Alimentar / Engenharia de Alimentos

Mais sobre a profissão

Modalidades:

Presencial

Matérias relacionadas:

Biologia Física Matemática Química

Idiomas:

Inglês, Português

A Engenharia de Alimentos combina princípios de várias áreas científicas para garantir a segurança e a eficiência da produção de bens alimentares. Assim, o Engenheiro Alimentar é fundamental para a saúde de todas as pessoas.

As regras sanitárias e de controlo da qualidade no setor alimentar têm sido intensificadas nos últimos anos. Tudo em nome dos Direitos do Consumidor.

Contudo, também a Saúde Pública é cada vez mais essencial nas regulações aplicadas no mundo do comércio de bens alimentares.

E é neste campo que a Engenharia de Alimentos tem crescido de forma decisiva por ser essencial em todas as etapas de uma cadeia de produção.

Portanto, o Engenheiro Alimentar intervém desde a fase de escolha das matérias-primas até ao momento em que o produto final é distribuído.

Mas também tem um papel importante no desenvolvimento dos produtos e na sua produção, bem como no embalamento e armazenamento.

Fica connosco para saberes tudo desta profissão!

O que é a Engenharia de Alimentos?

A Engenharia Alimentar aplica princípios da Engenharia aos processos de produção, armazenamento e distribuição de bens alimentares.

Mas trata-se de uma área multidisciplinar que também aplica conceitos da Microbiologia, da Química, da Física e da Ciência de Alimentos.

Assim os Engenheiros Alimentares são responsáveis por garantir a eficiência dos processos de produção, embalagem e distribuição. Isto significa que o seu papel é determinante para garantir a Segurança Alimentar e Nutricional.

A sua intervenção é feita tanto ao nível das máquinas, dos equipamentos e dos processos, mas também no âmbito dos ingredientes utilizados.

O que faz um Engenheiro Alimentar

O papel fundamental dos Engenheiros Alimentares é garantir que os produtos que chegam à mesa das pessoas têm as melhores condições nutricionais e de Segurança para serem ingeridos.

Assim, focam-se nos procedimentos de embalagem e de produção. Na maioria das vezes trabalham com outros profissionais da área, como os Cientistas de Alimentos e os Tecnólogos de Segurança Alimentar e Nutricional.

A Engenharia de Alimentos é, hoje em dia, essencial na Indústria Alimentar, pois ajuda a desenvolver técnicas, máquinas e softwares para tornar a produção mais eficiente.

Mas, em termos gerais, podemos resumir a sua atuação às seguintes áreas:

  • Análise de alimentos
  • Processamento e conservação
  • Embalagem
  • Valor nutricional
  • Qualidade e Segurança Alimentar
  • Transformação de matérias-primas em alimentos
  • Desenvolvimento de equipamentos e máquinas
  • Consultoria técnica e fiscalização
  • Investigação e desenvolvimento de novos produtos
  • Tratamento de resíduos
  • Ensino e Formação.

Quais as suas funções

O Engenheiro Alimentar é um profissional polivalente, ou seja, pode intervir em vários aspetos das operações da indústria de alimentos. Assim, o seu trabalho vai desde a rotina diária de coordenação do processo de produção à resolução de problemas que possam surgir.

Mas as suas funções dependem muito do tipo de empresa onde estiver integrado, bem como do tipo de produção em si.

O que é certo é que os Engenheiros de Alimentos têm um papel determinante na cadeia de abastecimento alimentar.

Em termos gerais, as suas responsabilidades incluem:

  • Definir os processos de produção, embalagem, armazenamento e transporte de alimentos
  • Criar equipamentos e sistemas
  • Ampliar processos de produção e maquinaria
  • Desenvolver produtos inovadores ou mais saudáveis
  • Investigar produtos e processos
  • Coordenar processos de produção
  • Desenvolver tecnologias e práticas amigas do ambiente
  • Fazer estudos económicos e técnicos
  • Fiscalizar serviços
  • Fazer vistorias, perícias e avaliações
  • Emitir pareceres técnicos
  • Avançar soluções de engenharia para resolver problemas ou melhorar a produção
  • Ajudar a reduzir perdas energéticas
  • Apresentar ideias para aumentar a produtividade.

Quanto ganha um Engenheiro de Alimentos

Os salários dos Engenheiros Alimentares dependem de diversos fatores, tal como acontece em muitas outras profissões.

Assim, o tipo de empresa onde trabalhem e a sua localização geográfica são, desde logo, variáveis importantes. Repara que numa grande empresa os ordenados são sempre mais elevados.

Mas também a experiência do profissional é relevante. No início da carreira, os valores são sempre menos interessantes.

Contudo, tratando-se de uma área científica e muito técnica, este é um campo onde se podem praticar bons salários.

Saídas no Mercado de Trabalho

As indústrias alimentares são as principais saídas profissionais para quem segue o ramo da Engenharia de Alimentos. Assim, podem trabalhar em indústrias que vão desde os produtos animais aos produtos para consumo humano.

Contudo, também podem trabalhar em restaurantes e em redes de fast food, além de empresas de distribuição de bens alimentares e de bebidas.

Mas podem ainda lidar com óleos e azeites ou até no campo da Enologia e da Viticultura. Como se dedicam a temáticas como o controlo de qualidade e o planeamento industrial, podem encontrar emprego em muitas e diversas áreas.

Assim, oportunidades não faltarão para estes profissionais, tanto mais numa altura em que a Segurança Alimentar é muito valorizada.

As regras sanitárias são cada vez mais apertadas e, por isso, a indústria alimentar tem que se ajustar a esta realidade mais exigente.

Portanto, a Engenharia de Alimentos surge como uma peça-chave para garantir a saúde do consumidor, mas também os lucros e a eficiência das empresas.

No setor público, o Engenheiro Alimentar tem ainda oportunidades na área da fiscalização sanitária e da vigilância.

Além disso, pode trabalhar em instituições dedicadas à investigação ou ao ensino.

Como seguir carreira na Engenharia de Alimentos

A via mais evidente para entrar neste mundo passa por tirar uma graduação em Engenharia de Alimentos.

Existe cada vez mais oferta de formação nesta área e, portanto, é só tens de escolher a melhor solução para ti. Já te falaremos disso mais abaixo.

Contudo, não há um caminho único para ser Engenheiro Alimentar. É claro que a formação em Engenharia é essencial, mas trata-se de uma área multidisciplinar.

Portanto, não seguindo a via da Engenharia de Alimentos à partida, podes conjugar formações em Biotecnologia, Biologia, Bioengenharia e Química com a Engenharia de Produção, por exemplo.

Mas, para lá disso, é essencial ter consciência da importância da profissão. É de grande responsabilidade e, por isso, também é preciso conhecer muito bem a legislação e as regras sanitárias em vigor.

Além disso, ser Engenheiro Alimentar implica gostar de pesquisa e de tecnologia, pois estas são essenciais na profissão.

Por outro lado, é fundamental estar sempre a par dos avanços científicos e tecnológicos na área, bem como conhecer em detalhe as políticas e normas da indústria alimentar que vão sendo aprovadas pelos Governos.

Assim, estar informado é outro critério essencial para quem quer ser Engenheiro Alimentar.

Onde estudar Engenharia de Alimentos

A escolha ideal para quem quer seguir uma carreira na Engenharia de Alimentos é um curso neste âmbito, como já dissemos. Diversas instituições de ensino têm oferta nesta área, mas tens de estar preparado para estudar assuntos como Matemática, Física e Química.

Estas graduações implicam, por norma, um trabalho final e um estágio que são obrigatórios para concluir o curso.

Assim, deixamos-te algumas opções de formações por onde podes começar a tua busca…

Portugal:

Brasil:

Depois de teres percebido o que faz um Engenheiro Alimentar e o que é a Engenharia de Alimentos, já sabes se é isto que queres para o teu futuro. Sentes-te preparado para abraçar uma carreira nesta área? Se estás decidido, ficamos a torcer pelo teu sucesso.

Mas se ainda tens dúvidas e não sabes bem o que queres para o teu futuro, faz os Testes Vocacionais. Vais encontrar a profissão certa para o teu perfil!

Partilhar Post

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top