Professor de Filosofia

Professor de Filosofia

Mais sobre a profissão

Modalidades:

Presencial

Ordenado Médio Mensal:

1500€ - 2000€

Empregabilidade:

Média

Disciplinas do secundario:

Antropologia Ciência Política Direito Filosofia História Literatura Sociologia

Idiomas:

Francês, Inglês, Português

O Professor de Filosofia ensina esta matéria a alunos do secundário (ensino médio, no Brasil). O ensino da Filosofia, embora tenha sido desvalorizado nas últimas décadas, é essencial para a formação de crianças e jovens.

Saber pensar e questionar criticamente tudo ao seu redor é muito importante para a vida, com toda a certeza. É isso que a Filosofia nos oferece. Sem dúvida, o pensamento filosófico abre-nos horizontes e tornar-nos pessoas “pensantes”.

Por isso, os alunos que pensam que esta disciplina é menor, que não agrega nada de valor, estão muito enganados. Os Professores de Filosofia têm a missão de mudar esse pensamento dos mais novos. Eles estimulam os jovens a pensar criticamente e a desenvolver um pensamento filosófico sobre as coisas e o mundo.

Se és um apaixonado por Filosofia e sentes que tens vocação para partilhar essa paixão com os outros, então estás no sítio certo! Neste artigo vamos mostrar-te tudo o que precisas saber para seguires a carreira de Professor de Filosofia.

Estás curioso para saber mais sobre esta profissão?

Então continua connosco!

O que faz um Professor de Filosofia?

O Professor de Filosofia dá aulas de Filosofia a alunos do secundário (ensino médio), ou então na universidade, para alunos que estejam a tirar um curso em que a Filosofia faça parte dos seus conteúdos programáticos.

O ensino da Filosofia implica o estímulo do pensamento filosófico. Mais do que conhecer os grandes filósofos, o objetivo principal dos Professores de Filosofia é fazer com que os seus alunos sejam capazes de pensar criticamente, com bases filosóficas e, assim, poderem tornar-se filósofos (mesmo que só nos “tempos livres”).

As aulas na universidade são muito mais exigentes e requerem um conhecimento profundo da Filosofia, incluindo o conhecimento de filósofos clássicos e contemporâneos, ao mesmo tempo que se ensina a pensar em Filosofia.

No secundário, os Professores apenas fazem uma introdução à Filosofia. Em Portugal, esta disciplina é transversal a todos os cursos do secundário, a qual é obrigatória nos 10º e 11º anos. Os alunos podem ainda escolher esta disciplina no 12º ano (opcional). No Brasil, o ensino da Filosofia é obrigatório no ensino médio.

Quais as suas funções

O Professor de Filosofia ensina os fundamentos filosóficos aos seus alunos. Ao contrário do que a maior parte das pessoas pensa, os Professores não se limitam a dar aulas. Sem dúvida, existe um trabalho invisível que é muito importante para conseguirem ter bons resultados. Esse trabalho inclui, por exemplo:

  • Preparar e organizar as aulas
  • Desenvolver materiais didáticos para os alunos
  • Desenvolver atividades em aula
  • Fazer e corrigir testes de avaliação (provas)
  • Reunir-se com os pais de alunos para acompanhar o seu desempenho
  • Reunir com outros Professores para avaliar o desempenho dos alunos, assim como da turma
  • Organizar e desenvolver visitas de estudo que se mostrem apropriadas para a disciplina

Saídas no Mercado de Trabalho

O Professor de Filosofia poderá trabalhar em escolas públicas e privadas que tenham ensino secundário (ensino médio, no Brasil). Podes também dar aulas na faculdade, desde que estas possuam na sua grade curricular os conteúdos que podes lecionar.

Outra opção é dares aulas em centros de estudo e centros de explicações. Muitos destes estabelecimentos apostam no apoio a alunos do secundário. Como tal, ter um Professor de Filosofia é uma mais valia para esses centros.

No entanto, são raros os centros que contratem a tempo inteiro ou parcial Professores de Filosofia. Normalmente contratam esse serviço quando surgem alunos que precisam de apoio nessa disciplina. Sendo assim, serás pago por hora, ou seja, é um trabalho freelancer.

Podes também optar por dar aulas particulares. Esta atividade pode ser feita a tempo inteiro ou nos teus tempos livres. Sem dúvida, é uma excelente oportunidade para Professores que querem ganhar um dinheiro extra.

Como entrar na carreira de Professor de Filosofia?

Em Portugal, para seguires a profissão de Professor de Filosofia precisas concluir o mestrado em ensino da Filosofia. Não basta ter um curso de Filosofia, pois vai faltar-te a formação em ensino e educação.

Portanto, se quiseres ser colocado rapidamente nos concursos públicos para dares aulas de Filosofia, não deixes de tirar o mestrado em ensino de Filosofia.

Se quiseres dar aulas na faculdade, precisas ter o doutoramento. Escolhe uma área da Filosofia em que te queiras especializar e faz o teu doutoramento. Este é um caminho que leva mais tempo, até porque tens de ter experiência laboral. Contudo, vale sempre a pena investir na formação se é para realizarmos um sonho.

No Brasil, os Professores de Filosofia têm de ter uma licenciatura em Filosofia. O bacharelado não é o mais indicado para quem quer seguir ensino.

A licenciatura forma profissionais que queiram seguir a carreira de Professor, incluindo matérias que abordam a educação, técnicas e métodos de ensino, didática, entre outras.

Onde estudar para ser Professor de Filosofia?

Portugal:

Brasil:

Gostavas de ser Professor de Filosofia? Sempre sonhaste em ser Professor e és apaixonado por Filosofia? Então não há muito o que pensar. Investe na tua formação, esforça-te, dedica-te, porque vai valer a pena todo o esforço. A equipa do Guia das Profissões deseja-te muito sucesso!

Partilhar Post

Deixa o teu testemunho

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top