Reparador de Bicicletas

reparador de bicicletas

Mais sobre a profissão

Modalidades:

Presencial, Ar Livre

Matérias relacionadas:

Educação Física Matemática Materiais e Tecnologias

Idiomas:

Português

O reparador de bicicletas é o profissional que faz a reparação de bicicletas, assim como de outros meios de transporte não motorizados. Além disso, também faz a manutenção destes veículos.

Embora esta profissão não seja muito conhecida (talvez até nem soubesses que existia um trabalhador que se dedicava à reparação de bicicletas), a verdade é que, com a maior procura por meios de transporte não motorizados, este é um serviço que pode, sim, ser uma excelente forma de teres rendimentos.

Se és um apaixonado por bicicletas e se gostavas de transformar o teu hobby em profissão, talvez te interesse ler este artigo.

Aqui vamos mostrar-te o que faz um reparador de bicicletas, quais as funções que tem no seu dia a dia, as possibilidades no mercado de trabalho, assim como tudo o que precisas fazer para seguir esta carreira.

Vens connosco à descoberta?

O que faz um Reparador de Bicicletas?

O reparador de bicicletas faz a revisão e reparação de bicicletas e outros meios de transporte não motorizados.  As bicicletas são um meio de transporte muito popular em vários países. Em Portugal, assim como no Brasil, assistimos a uma procura cada vez maior por este meio de transporte.

Isso faz com que o serviço de reparação de bicicletas aumente. A tendência é, portante, a que este tipo de serviço seja cada vez mais procurado pelo público, o que faz com que aqueles que querem seguir esta profissão encontrem excelentes oportunidades de trabalho e negócio.

No Brasil, este profissional enquadra-se no Código Brasileiro da Ocupação de mecânicos de manutenção de bicicletas e equipamentos esportivos e de ginástica (CBO 9193-10).

Ele é responsável por fazer orçamentos de serviços de manutenção de bicicletas, estimar custos para a manutenção e reparação, avaliar o estado do equipamento e peças que precisam de soldagem, assim como requisitar materiais necessários para o trabalho.

Ainda não tens certeza se esta é a profissão certa para ti? Então não deixes de usar o nosso Simulador de Profissões e os nossos Testes Vocacionais!

Quais as suas funções

O reparador de bicicletas faz a revisão e reparação de bicicletas, assim como de outros meios de transporte não motorizados. De entre as várias tarefas que ele tem no seu dia a dia, podemos destacar, aqui, por exemplo:

  • Limpar os rolamentos
  • Lubrificar os rolamentos e outras partes da bicicleta
  • Substituir acessórios e componentes dos veículos, como, por exemplo, correntes, travões e punhos
  • Reparar componentes e acessórios
  • Mudar os pneus
  • Pintar

Além da reparação de bicicletas, este profissional também pode montar bicicletas novas, assim como outros veículos não motorizados, como cadeiras de rodas, por exemplo.

Saídas no Mercado de Trabalho

O reparador de bicicletas pode trabalhar no comércio de varejo, assim como na reparação de objetos pessoas e domésticos. Além destes setores, também pode atuar no fabrico de produtos de metal, fabrico de equipamentos de transporte, assim como na metalurgia.

Regra geral, estes profissionais optam por prestar serviços para outras empresas, com contrato de trabalho. No entanto, existe a possibilidade de transformar esta profissão numa oportunidade de negócio.

As pessoas que gostam mais de arriscar e querem ser “donas” da sua própria vida, poderão ter aqui uma hipótese de cumprir esse sonho. É fundamental que, neste caso, tenhas espírito de liderança e sejas uma pessoa ativa e com iniciativa própria.

Como entrar na carreira de Reparador de Bicicletas?

Em Portugal, para seres reparador de bicicletas e outros meios de transporte não motorizados não precisam ter nenhuma formação específica. Normalmente, as empresas pedem o ensino obrigatório (9º ou 12º ano, dependendo da idade) e oferecem uma formação inicial, na qual poderás aprender tudo o que precisas para começar a dar os primeiros passos.

Como em tudo, é com a prática que vais ganhando mais e mais experiência, assim como vais aprendendo as “manhas” do ofício. Por isso, o ideal é que mantenhas uma relação boa com os teus colegas de trabalho e aprendas o máximo possível com aqueles que têm mais experiência.

Como este trabalho envolve, muitas vezes, soldas, talvez seja bom se tiveres uma formação de soldador.

No Brasil, para exerceres esta ocupação, deves ter um curso básico de qualificação profissional (este curso tem uma duração que varia entre 160 e 400 horas). No entanto, para desempenhares as atividades em pleno, deves ter 3 a 4 anos de experiência profissional.

Agora que já sabemos um pouco mais sobre a carreira de reparador de bicicletas, está na hora de vermos algumas das instituições em que podes tirar uma formação que te prepare para o mercado de trabalho.

Vamos?

Onde estudar para Reparador de Bicicletas?

Portugal:

Brasil:

Gostavas de te tornar um reparador de bicicletas? Adoravas ter um negócio próprio e a área das bicicletas atrai-te? Então não deixes de investir na tua formação, pois pode fazer toda a diferença. Nós, do Guia das Profissões, desejamos-te muito sucesso!

Partilhar Post

Deixa o teu testemunho

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top