Arqueologia

Arqueologia

Arqueologia é a ciência que se dedica ao estudo das sociedades e culturas de povos antigos. O profissional desta área chama-se Arqueólogo e ele é responsável por recolher e analisar marcas que os povos antigos deixaram. Incluímos, aqui, por exemplo, objetos que foram usados no passado, desenhos e inscrições em pedras, construções antigas, e outras marcas de ocupação de território.

Outros nomes para esta profissão: Arqueologia e Conservação de Arte Rupestre; Arqueologia e Preservação Patrimonial; Arqueólogo

  • Modalidades: Presencial, Ar Livre
  • Ordenado Médio Mensal: 1000€ - 1500€
  • Empregabilidade: Média
  • Empregabilidade: Trabalho em Equipa
  • Disciplinas do Secundário/ensino médio: Geografia, História, História da Cultura e das Artes, Línguas, Literatura
  • Idiomas: Grego, Inglês, Latim, Português

É o arqueólogo que investiga vestígios deixados pelos povos antigos, criando hipóteses em torno desses vestígios para entender como seriam os seus costumes e tradições, assim como as formas de vida familiares, sociais, políticas, entre outras.

É a partir da análise destes vestígios que conseguimos perceber como as sociedades evoluíram.

Se está a pensar seguir a profissão de arqueólogo, então continue a ler este artigo e saiba tudo o que este profissional faz no seu dia a dia, quais as funções que desempenhas nas diferentes áreas de atuação, quais as saídas no mercado de trabalho, e como pode iniciar esta belíssima e intrigante carreira!

O que faz um Arqueólogo?

Estuda as culturas e as sociedades através da análise de objetos que os povos antigos fabricaram e usaram.

O arqueólogo investiga sítios arqueológicos, em busca de marcas que foram deixadas no território pelos povos para poder entender, por exemplo, como eles viviam, ou como fizeram a ocupação daquele espaço.

Estes profissionais podem trabalhar em universidades e centros de pesquisa, mas podem também atuar como consultores, fazendo relatórios dos sítios arqueológicos. Estes relatórios são necessários antes de serem feitas construções de empreendimentos de grande porte, como indústrias, hidroelétricas, entre outras. Os relatórios arqueológicos garantem que determinada construção não compromete o património arqueológico e histórico.

O trabalho de campo resume-se muito à exploração do território, na procura de vestígios e objetos antigos. No entanto, o arqueólogo também passa por uma fase de pesquisa, na qual o profissional analisa todos os materiais que foram recolhidos durante as escavações.

Quais as suas funções

Os arqueólogos podem trabalhar em diversas áreas, o que faz com que ele possa desempenhar diversas funções distintas. Vejamos!

  • Arqueologia Subaquática – Este profissional é responsável por estudar sítios arqueológicos que estejam submersos (lagos, mares, oceanos e rios).
  • Educação – Fica responsável por promover atividades com o intuito de preservar o património cultural e histórico da região em feiras científicas, museus, entre outros. Pode, ainda, atuar como professor, ficando responsável por disciplinas de Arqueologia.
  • Assessoria – O arqueólogo ajuda empresas privadas e públicas a caracterizar a ocupação de locais.
  • Licenciamento – O profissional acompanha grandes obras, de forma a perceber se existe algum tipo de comprometimento do património histórico e cultural da região.
  • Exploração – É o sonho da maioria dos arqueólogos, o de trabalhar em campo, fazendo escavações em busca de materiais arqueológicos para pesquisa.
  • Pesquisa – Os arqueólogos analisam os materiais arqueológicos recolhidos na exploração para elaborar relatórios.
  • Conservação e restauro de monumentos – Estes profissionais também podem ser contratados para trabalhar na conservação e no restauro de monumentos, dando aconselhamento técnico.
  • Paleontologia – Os arqueólogos também podem atuar no estudo de vestígios que foram deixados por animais e plantas no passado.

Para que um arqueólogo consiga desempenhar as suas funções corretamente, é importante que goste de História e que tenha conhecimentos sobre diversas idades. Além disso, é fundamental que seja uma pessoa curiosa, que goste de descobrir o que aconteceu no passado.

Saídas no Mercado de Trabalho

Em Portugal, o mercado de trabalho para os arqueólogos continua a ser bastante rico, muito pela ocupação dos diversos povos em tempos idos. A maioria dos profissionais trabalha para órgãos públicos, com ênfase particular nas autarquias, as quais têm, nos últimos anos, aumentado bastante as vagas de emprego para estes profissionais.

Da mesma forma, no Brasil, o mercado de trabalho para os bacharéis em Arqueologia continua a crescer, muito pela determinação que as grandes obras precisam de pesquisas arqueológicas, fazendo parte dos estudos de impactos ambientais.

Sem dúvida, a área do licenciamento é aquela que mais tem empregado estes profissionais nos últimos anos, bem mais do que a exploração, pesquisa, e até mesmo a carreira acadêmica.

O turismo também tem sido uma área que tem contratado arqueólogos, pois muitos dos locais onde foram descobertos vestígios arqueológicos estão, hoje, abertos para visitação. Assim, os arqueólogos ficam responsáveis pela administração daquele espaço, e são também eles que organizam exposições e dão palestras e cursos.

Os órgãos públicos também contratam muitos destes profissionais para realizarem explorações e pesquisas arqueológicas.

Como entrar na carreira de Arqueologia

Em Portugal, para poder exercer a profissão de arqueólogo, necessita de concluir o curso de Arqueologia (3 anos de licenciatura e 2 anos de mestrado). Encontra este curso em todas as universidades públicas do país.

No Brasil, deverá concluir o bacharelado, mas este só se encontra disponível em 10 instituições.

Ao longo do curso, o aluno irá obter conhecimentos em diferentes áreas, como história, pré-história, sociologia, estatística, cartografia e filosofia. Além destas disciplinas com uma vertente mais teórica, tem ainda disciplinas práticas.

Onde estudar Arqueologia

Portugal:

Brasil:

Se quer seguir a carreira de Arqueologia, então dedique-se ao estudo, aproveite o curso para adquirir o máximo de conhecimento possível, e terá, com toda a certeza, um futuro brilhante! Esta é uma área muito curiosa, cheia de “aventuras” e, sem dúvida, muito estimulante para aqueles que adoram saber como os povos antigos viviam!

Partilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima