Coach Sexual / Coaching de Sexualidade

Coach Sexual / Coaching de Sexualidade

Resumo da profissão

Modalidades:

Teletrabalho, Presencial

Matérias relacionadas:

Biologia Psicologia Sociologia

Idiomas:

Português

Um Coach Sexual é um profissional que orienta as pessoas no sentido do seu autodesenvolvimento enquanto seres sexuais. No Coaching de Sexualidade, o foco está em ajudar a criar vidas mais satisfatórias a título individual, mas também nas relações com os outros.

Portanto, o trabalho do Coach de Sexo é ajudar as pessoas a desenvolverem a sua vida sexual, mas também as suas relações.

O Coaching Sexual é semelhante a qualquer outro tipo de Coaching. Assim, ajuda a identificar um problema e traça um plano para o resolver, com objetivos e passos definidos.

Como ser melhor amante? Como conseguir ter uma vida sexual satisfatória? Eis alguns dos desafios que o Coach Sexual, ou Sex Coach na sua formulação em Inglês, pode ter pela frente.

Deste modo, é um trabalho que exige conhecimentos muito específicos, mas também uma certa capacidade de “ler” as pessoas.

Fica connosco para saber tudo dessa profissão tão excitante!

O que faz um Coach Sexual

Tal como no Coaching em geral, o Coach Sexual ajuda as pessoas a detetarem os seus problemas e a resolverem-nos. A diferença está apenas no campo de atuação. Portanto, neste caso, é a vida sexual que está em jogo, e em particular a satisfação sexual.

O trabalho do Coach de Sexo passa, assim, por orientar as pessoas no sentido da felicidade avaliada de um ponto de vista mais físico. Assim, pode ajudá-las a lidar com problemas como a timidez ou a baixa autoestima, mas também com tabus ou desconfortos especiais no capítulo do corpo e do sexo em si.

Mas para que serve o Coaching de Sexualidade?

Esta pergunta pode estar a soar na tua cabeça porque o Coaching Sexual ainda é visto como algo um pouco enigmático. Há quem confunda a profissão com a de profissionais do sexo, mas não tem nada a ver.

Estamos a falar de uma atividade que se move no âmbito do desenvolvimento pessoal. Assim, o Coach Sexual ajuda a desenvolver o íntimo e a forma como a pessoa se percebe como um ser sexual, mas também a orienta nas suas relações íntimas com os outros.

Alguns dos temas abordados numa sessão de Coaching Sexual podem ser:

  • Como melhorar a autoestima
  • Perceber as preferências sexuais
  • Entender porque certo assunto/prática é tabu
  • Resolver problemas de timidez excessiva
  • Ajudar a enfrentar preconceitos
  • Promover a autoaceitação do corpo e das preferências/orientações
  • Lidar com dificuldades de intimidade e partilha.

Couch Sexual vs Terapeuta Sexual

Existe, por vezes, alguma confusão entre o que é um Coach Sexual e um Terapeuta Sexual. Vê que não são a mesma coisa, embora tenham pontos de toque.

A principal diferença entre estas duas áreas está no facto de o Terapeuta Sexual ser um profissional de saúde. Portanto, é uma vertente que exige uma formação mais sólida e tem uma perspetiva mais “curativa”, lidando com questões mais sérias relacionadas com a saúde sexual.

Já um Coach Sexual tem um âmbito mais de autodescoberta, ajudando a promover o bem-estar sexual e a autoestima no domínio da sexualidade. Assim, tem uma vertente mais assente na prática sexual propriamente dita, bem como nas sensações associadas.

Portanto, o trabalho do Terapeuta Sexual é mais aprofundado. De resto, um Terapeuta Sexual ou Sexólogo pode ser também Coach Sexual, mas o contrário será menos provável – a não ser que a pessoa faça formação adicional.

Aliás, um Coach de Sexo deve encaminhar sempre as pessoas que apresentem quadros clínicos ou dificuldades mais sérias para um Sexólogo.

Quais as suas funções

O trabalho de um Coach Sexual pode ser muito parecido ao de um Psicólogo ou até de um Conselheiro Matrimonial. Não tem nada de mais do que isso – se estás a pensar noutras coisas -, embora o foco seja o sexo.

Assim, um Coach de Sexo não vai para lá do toque natural ou dos simples abraços. Portanto, não mantém contactos sexuais com os seus clientes.

Em termos gerais, podemos dizer que há dois tipos de Coaching Sexual:

  • Baseado em conversas
  • Focado nas experiências.

Isto significa que pode ter uma vertente mais de exploração verbal de sentimentos, com trocas de desabafos e conselhos.

Mas, por outro lado, pode ser mais baseado na realização de exercícios ou de experiências, no âmbito de um plano de Coaching Sexual, para atingir um certo objetivo.

Contudo, o mais habitual, será complementar estas duas vertentes.

Áreas de atuação do Coaching Sexual

O profissional de Coaching de Sexualidade pode intervir em vários aspetos da vida sexual e íntima das pessoas.

Assim, pode ajudar com aspetos como:

  • Uso de certos brinquedos sexuais
  • Apimentar as relações entre casais
  • Experimentar práticas sexuais específicas
  • Orientar as pessoas para a sedução
  • Mudar hábitos negativos
  • Aceitação do próprio corpo.

O leque da sua atuação é, contudo, quase infinito! Tudo depende das preocupações e anseios das pessoas. Mas sua intervenção passa, grosso modo, pelas seguintes fases:

  • Ajudar a detetar problemas/receios
  • Identificar objetivos a cumprir para a satisfação
  • “Educar” para a sexualidade (ou seja, esclarecendo certas dúvidas)
  • Definir um plano de Coaching Sexual
  • Dar apoio emocional e sugestões
  • Manter a pessoa motivada e empenhada para alcançar os objetivos.

Quanto ganha um Coach Sexual

Os salários nesta área dependem muito das capacidades e da própria experiência do profissional.

Além disso, o grau de formação e o tipo de Coaching Sexual que oferece também podem ser determinantes. Vê que certos nichos de mercado podem ser mais produtivos ou ter melhor aceitação.

Contudo, também há Coachs de Sexo que fazem parcerias com certas marcas, por exemplo, de brinquedos sexuais, o que os pode favorecer com ganhos mais interessantes.

Mas é difícil estabelecer uma média salarial, uma vez que a profissão tem várias características que a tornam pouco previsível – e isso, só por si, pode ser um ganho para alguns.

Saídas no Mercado de Trabalho

A maioria dos Coachs de Sexo trabalham de forma independente. Contudo, também é possível ser Coach Sexual em certas clínicas ou entidades de formação.

Além disso, como já referimos, é possível fazer parcerias com marcas ou empresas que atuem na área da Sexualidade. Assim, estes profissionais podem trabalhar como consultores de marcas de brinquedos sexuais.

Contudo, ainda podem trabalhar como Educadores Sexuais no âmbito de programas de entidades governamentais ou de organizações não governamentais

Mas a Internet também veio abrir o campo de atuação de quem faz Coaching de Sexualidade, pois é sempre possível ter um blogue ou um canal no YouTube para falar desta questão.

De resto, cada vez mais, o Coach Sexual faz sessões online, o que aumenta para o infinito a sua audiência possível!

Como entrar na carreira de Coach Sexual

Para trabalhar nesta área será preciso ter formações combinadas em Sexualidade ou Sexologia e em Coaching. Contudo, não existe um caminho único para abraçar esta profissão.

Mas também deves procurar especializar-te numa área central, tornando-te “mestre” no assunto. Alguns tópicos que podes explorar, neste sentido, são a intimidade, a sedução e o romance.

Contudo, também podes fazer uma espécie de consultoria para encontros ou ainda tornares-te especialista em brinquedos sexuais.

Deves procurar uma área de que gostes, para poderes tirar o melhor de ti e cuidares de uma excelente preparação para triunfares no mercado de trabalho.

O que é preciso para ser um Coach de Sexo?

Mas, afinal, quais são as qualidades ideais de um Coach Sexual? É importante que estes profissionais tenham as seguintes características:

  • Mente aberta e sem julgamentos
  • Capacidade de empatia e de ligação aos outros
  • Conseguir motivar os outros
  • Bom ouvinte
  • Ótima compreensão da natureza humana
  • Excelentes capacidades de comunicação.

Onde estudar para Coach Sexual

Há uma grande variedade de formações na área do Coaching em termos gerais. Mas existem poucos cursos de Coaching Sexual. Apesar disso, já começam a aparecer mais perante a crescente procura por esta área.

Contudo, as formações em Sexologia, Sexualidade, Terapia Sexual e Educação Sexual também são boas escolhas.

Assim, fica com as seguintes opções que te podem ajudar a começar a tua busca pela formação ideal…

Portugal:

Brasil:

Agora que já percebeste o que é o Coaching de Sexualidade e o que faz um Coach Sexual, estás certo de que chegaste à tua profissão de sonho? Se é o caso, ficamos a torcer pelo teu sucesso!

Mas se ainda tens dúvidas sobre o que queres para o teu futuro, faz Testes Vocacionais para descobrires profissões alternativas – e chegares à mais certa para o teu perfil!

Partilhar Post

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Scroll to Top