Diretor de Arquivos

Diretor de Arquivo

Resumo da profissão

Modalidades:

Presencial

Matérias relacionadas:

História História da Cultura e das Artes Línguas Literatura

Idiomas:

Inglês, Português

O diretor de arquivos faz a administração e gestão de arquivos (espaços onde se guardam e conservam documentos importantes de uma instituição).

Os arquivos são essenciais para qualquer instituição ou organização (pública ou privada). Além de conseguirmos ter todos os documentos de forma organizada, estes são mantidos em segurança e em bom estado de conservação.

Os diretores dos arquivos são profissionais indispensáveis, pois eles fazem a gestão de tudo o que acontece nesses espaços. Eles têm um cargo de grande responsabilidade e, por isso, têm de ser pessoas sérias e comprometidas com o seu trabalho.

Se gostavas de trabalhar em arquivos e pretendes um cargo de direção, esta é a profissão perfeita para ti!

Aqui, vais descobrir o que faz um diretor de arquivos, quais as funções que tem no seu dia a dia de trabalho, as saídas profissionais, assim como outras informações úteis para entrares nesta carreira com o pé direito.

Vamos?

O que faz um Diretor de Arquivos?

O diretor de arquivo dirige e gere arquivos (públicos ou privados). Ele é o grande responsável por desenvolver e implementar as políticas, normas e procedimentos de um arquivo, assim como tem de gerir e supervisionar os funcionários do espaço.

Este profissional, além de fazer a gestão do orçamento de um arquivo, também administra as operações e serviços do arquivo.

Por isso, ter perfil de liderança é imprescindível. Todos os funcionários devem estar unidos e coesos, e é o diretor que é responsável por manter a equipa integrada e a trabalhar em prol do arquivo.

Além de todo o seu trabalho na gestão das equipas de trabalho e dos orçamentos, o diretor também mantém um contacto apertado com a organização patrocinadores (empresa, governo ou outra entidade pública).

Ainda não sabes se esta é a profissão certa para ti? Então faz os nossos Testes e usa o nosso Simulador!

Quais as suas funções

O diretor de arquivos tem como principais funções fazer a gestão e dirigir os arquivos. Assim, o seu dia a dia de trabalho envolve uma série de tantas outras atividades e tarefas, entre as quais podemos destacar, por exemplo:

  • Desenvolver e implementar normas, políticas e procedimentos a serem seguidos por funcionários do arquivo e visitantes
  • Supervisionar e dirigir os funcionários do arquivo, como os arquivistas, por exemplo
  • Acompanhar e avaliar o desempenho dos funcionários do arquivo (técnicos e administrativos, principalmente)
  • Elaborar orçamentos e garantir que o arquivo cumpre com os objetivos orçamentais
  • Desenvolver relatórios e apresentar despesas com equipamentos e serviços contratados
  • Fazer a coordenação com outros serviços
  • Controlar as despesas e fazer a gestão do orçamento do arquivo
  • Implementar procedimentos que assegurem o uso eficiente dos recursos (materiais, financeiros e humanos)
  • Participar da seleção e da formação de novos funcionários do arquivo

Saídas no Mercado de Trabalho

Em Portugal, assim como no Brasil, é o setor público que emprega a maior parte dos diretores de arquivos (assim como os outros profissionais de arquivo). Se quiseres seguir esta carreira, então podes encontrar colocação em:

  • Hospitais
  • Museus
  • Escolas e Faculdades
  • Institutos de pesquisa
  • Órgãos municipais / estaduais
  • Arquivos nacionais e estaduais

Também é possível trabalhar no setor privado, em empresas que tenham arquivo nas suas instalações.

Antes de ires, vê o que faz um Diretor de Biblioteca

Como entrar na carreira de Diretor de Arquivos?

Para seguires a profissão de diretor de arquivos, então antes deves trabalhar como arquivista. Para conseguires atuar como arquivista em Portugal, primeiro tens de fazer o mestrado em Ciências Documentais ou Ciências da Documentação e Informação. No Brasil, tens de concluir o curso de Arquivologia (bacharelado).

Sem dúvida, esta formação é essencial para aprenderes como funciona um arquivo e todas as práticas e metodologias recomendadas para a conservação e preservação de documentos.

É importante dizermos que a experiência como arquivista é essencial para te tornares um bom diretor. Afinal, se não souberes como é o dia a dia de trabalho, será impossível dares um bom contributo para o arquivo.

Além disso, teres conhecimentos em gestão e administração é também importante. Se tiveres experiência nesta área, vai valorizar bastante o teu currículo.

Onde estudar para Diretor de Arquivos?

Como vimos, ter o curso de Ciências Documentais ou similar, em Portugal, e em Arquivologia, no Brasil, é essencial para quem quer seguir a profissão de diretor de arquivos. Sendo assim, deixamos-te aqui algumas instituições que oferecem esta formação.

Portugal:

Brasil:

Se o teu sonho é atuar como diretor de arquivos, então não deixes de te esforçar bastante ao longo da tua carreira. Com toda a certeza, com foco e determinação, vais conseguir tudo aquilo que desejas. Nós, do Guia das Profissões, desejamos-te o maior sucesso.

Partilhar Post

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Scroll to Top