Engenharia Eletrónica

engenharia-eletrónica

A Engenharia Eletrónica deriva da Engenharia Elétrica, e opera com valores e componentes de pequena amplitude e grandeza. A sua aplicação permite desenvolver sistemas, equipamentos, componentes, assim como dispositivos essenciais no desenvolvimento tecnológico.

Outros nomes para esta profissão:

  • Modalidades: Presencial
  • Ordenado Médio Mensal: 1500€ - 2000€
  • Empregabilidade: Alta
  • Empregabilidade: Trabalho em Equipa
  • Disciplinas do Secundário/ensino médio: Física, Matemática, Química
  • Idiomas: Inglês, Português

Surgiu no final do século XIX, com o desenvolvimento do telégrafo e da rádio, mas acentuou o seu desenvolvimento durante o período da II Guerra Mundial, cujas necessidades se fizeram sentir, nomeadamente nos sistemas de comunicação aplicados na indústria bélica.

Atualmente, esta engenharia tem várias subdivisões de estudo, como por exemplo:

  • Telecomunicações
  • Computação
  • Instrumentação (lida com grandezas de micro precisão)

Está ligada a outras Engenharias, como a Engenharia Mecatrónica, por exemplo. Com toda a certeza, é uma área em franco desenvolvimento, contribuindo para as inovações tecnológicas.

Se quer saber mais sobre esta profissão, então continue neste artigo e descubra como é a rotina de um Engenheiro Eletrónico, quais as funções que desempenha, como é o mercado de trabalho, e como pode ingressar nesta carreira. Confira!

O que faz um Engenheiro Eletrónico?

Tudo aquilo que não entendemos como acontece no nosso dia a dia tem uma explicação nesta Engenharia! Pode parecer estranho, mas a verdade é que ela está em tudo aquilo que usamos no nosso dia a dia, como o nosso telemóvel (celular), o detetor de metais, o nosso computador, entre tantas outras coisas! Sem dúvida, tudo tem uma ação da Engenharia Eletrónica!

Por isso mesmo, os profissionais desta engenharia têm podem atuar em diversas áreas, precisamente porque ela está presente em quase tudo aquilo que existe nos dias de hoje!

Podem trabalhar em empresas do setor eletrónico, mas também em empresas de tecnologia e de informação. Atua também nas telecomunicações, produção industrial, assim como atua na área da Biomedicina

Sem dúvida, a eletrónica está presente na nossa vida, desde os pequenos eletrodomésticos, até à sua aplicação em casas inteligentes, passando pelos nossos veículos.

Por ser uma área tão abrangente, o engenheiro eletrónico trabalha de forma direta com todas as tecnologias, tão presentes no nosso dia a dia.

Quais as suas funções

Sem dúvida, um engenheiro eletrónico tem uma rotina muito variada, podendo trabalhar em diversos setores, dependendo da sua área de atuação, é claro! Sendo assim, vejamos agora algumas das suas principais funções:

  • Instalar e operar sistemas e equipamentos, sejam eles de que tipo forem
  • Projetar e desenvolver equipamentos, componentes, mas também sistemas eletroeletrónicos usados em automação industrial
  • Desenvolver sistemas, geradores, transmissores, assim como distribuidores de eletricidade e eletrónica
  • Vistoriar, realizar avaliações e perícias de serviços técnicos e obras
  • Emitir pareceres e autorizações
  • Estudar a viabilidade de projetos (económica e técnica)
  • Desenvolver equipamentos Biomédicos

Saídas no Mercado de Trabalho

Sem dúvida, o engenheiro eletrónico encontra um mercado de trabalho em expansão, assim como a maioria das engenharias. A verdade é que a engenharia, especialmente aquela que se encontra ligada diretamente com o desenvolvimento tecnológico, tem tido um crescimento exponencial nos últimos anos, e a tendência é, com toda a certeza, que esse crescimento se mantenha.

Tendo em conta isto, ao seguir esta engenharia, pode encontrar vagas em, por exemplo:

  • Transmissão
  • Centros de pesquisa de empresas que atuam na área da indústria
  • Distribuição de energia elétrica
  • Empresas que atuem na área da microeletrónica e nanotecnologia
  • Empresas do setor Naval, Químico, Petrolífero, Gás
  • Comercialização de equipamentos de telecomunicações e eletrónicos
  • Instalação e Projetos elétricos
  • Hospitais
  • Formação em instituições de pesquisa
  • Automação industrial
  • Tecnologias de Informação (TI)
  • Docência

Como entrar na carreira de Engenharia Eletrónica

Para entrar nesta carreira, é necessário concluir o curso de Engenharia eletrónica. Em Portugal deverá concluir a licenciatura de 3 anos, mas também deverá concluir o mestrado (2 anos), de forma a poder atuar como engenheiro.

No Brasil, a graduação em Engenharia Eletrônica tem uma duração média de 5 anos, e deverá concluí-la, assim como estágio e Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) para começar a sua carreira profissional.

Durante o curso, abordará vários tipos de áreas, principalmente por se tratar de uma área de estudo multidisciplinar. Nos primeiros anos, é normal que o curso apresente uma componente teórica muito forte, focando mais em áreas de conhecimento gerais, especializando-se e indo para uma vertente mais prática ao longo do tempo.

Poderá encontrar disciplinas como, por exemplo:

  • Cálculo
  • Física
  • Algoritmos
  • Química
  • Sistemas Digitais
  • Circuitos Elétricos
  • Sistemas Analógicos
  • Sistemas Eletrônicos
  • Organização de Computadores
  • Eletromagnetismo
  • Sistemas de Potência
  • Mecânica dos Fluidos
  • Programação de Computadores
  • Sistemas Embarcados

O estágio é, sem dúvida, uma excelente oportunidade de ingressarmos numa empresa.

Vejamos, então, agora, onde poderá estudar Engenharia Eletrónica em Portugal, e no Brasil!

Onde estudar Engenharia Eletrónica

Portugal:

Brasil:

Se quer seguir a carreira de Engenheiro eletrónico, então tem de ter um uma aptidão para a inovação e as tecnologias. Este curso desenvolve a capacidade criativa dos profissionais em torno das novas tecnologias.

Criar, inovar, e concretizar, são, com toda a certeza, as palavras chave deste curso. Se acha que vai fazer a diferença, então este é o seu curso! Agarre a oportunidade e faça uma brilhante carreira em Engenharia Eletrónica!

Partilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima