Operador de empilhadeira

Operador de empilhadeira

O operador de empilhadeira tem de preparar cargas e de carregar materiais diversos, além de rotular produtos. Assim, pode trabalhar em áreas de atividade muito diversas. Mas continue a ler para descobrir mais sobre esta profissão.

Outros nomes para esta profissão: operador de empilhador, operador de empilhadores

  • Modalidades: Presencial
  • Ordenado Médio Mensal: Mínimo - 1000€
  • Empregabilidade: Alta
  • Empregabilidade: Trabalho Solitário, Trabalho em Equipa
  • Disciplinas do Secundário/ensino médio: Matemática, Materiais e Tecnologias
  • Idiomas: Português

A empilhadora é usada em várias indústrias, bem como no comércio de varejo e na grande distribuição. Serve para carregar e transportar materiais e mercadorias em paletes.

Há diferentes tipos de empilhadores, conforme as cargas e os locais de trabalho. Deve ter isso em atenção na hora de decidir onde gostaria de trabalhar.

Se gosta de equipamentos pesados, também tem outras opções dentro deste domínio, por exemplo, ser operador de máquinas ou operador de grua e guindastes.

Porém, deve saber que trabalhar nesta área requer alguns atributos pessoais, como, por exemplo, espírito de equipa e saber se relacionar com os outros. Mas também tem de ser dinâmico e responsável. Além disso, deve conseguir lidar com a pressão.

Continue a leitura para entender mais sobre o trabalho…

Quanto ganha um operador de empilhadeira

O salário médio dos operadores de empilhadores, em Portugal, é de 850 euros por mês. Mas depende muito da empresa. Algumas têm benefícios extra, como, por exemplo, subsídios de turno e prémios, além dos subsídios de alimentação e de transporte.

No Brasil, o salário médio é de 1700 reais. Contudo, os ordenados dependem do tipo de trabalho. Assim, quem lidar com cargas inflamáveis pode ganhar mais devido ao perigo envolvido.

A experiência do trabalhador ou a falta dela também é relevante para o salário.

O que faz um operador de empilhadeira

A empilhadeira permite carregar e organizar em pilhas diversos produtos. Assim, o papel do operador de empilhadeira passa por movimentar, descarregar e armazenar cargas.

Conforme o setor, pode ter de trabalhar com empilhadores diferentes, como por exemplo elevadores, retráteis, bilaterais, entre outros.

Estes profissionais são necessários em áreas que vão da indústria até à logística, passando pelos serviços.

Fique por aí para conhecer melhor as suas tarefas…

Quais as suas funções

Há quatro tipos básicos de empilhadeiras. Portanto, as funções do operador de empilhadores estão ligadas às máquinas usadas.

Principais tipos de empilhadeiras

  • Elétrica – esta empilhadeira é muito silenciosa por usar baterias.
  • Manual – neste caso, os mecanismos são manuais, por exemplo por roldanas.
  • Combustão – estas empilhadoras movem-se com gás e têm carga superior às elétricas, mas são mais poluentes; também podem ser a diesel e, logo, mais económicas.
  • Portuária – usadas em portos para deslocar grandes cargas em navios, têm capacidade superior.

Na maioria dos casos, como por exemplo em armazéns ou galpões fechados, usam-se as empilhadeiras elétricas ou a GPL. Além de transportarem cargas, permitem a sua elevação.

É preciso muito cuidado com estas máquinas, pois podem provocar acidentes graves. Assim, tem de estar preparado para a tarefa.

Já de seguida, espreite a lista das principais funções de um operador de empilhadeira:

  • Transportar e armazenar cargas
  • Carregar e descarregar materiais
  • Levantar e empilhar paletes
  • Preparar material para produção
  • Abastecer a linha de montagem
  • Manter e organizar mercadorias
  • Cuidar das máquinas.

Além de tudo isto, tem de cumprir as normas de segurança.

Saídas no Mercado de Trabalho

O mercado de trabalho para operadores de empilhadeira tem muitas oportunidades. Mas também muita variedade.

Estes profissionais podem trabalhar em áreas distintas. Desde aeroportos a campos de golfe e de futebol, passando pela indústria automóvel ou metalúrgica, até aos cosméticos. São muitas as saídas!

Podem trabalhar em fábricas, armazéns, terminais e portos. Ou ainda no comércio de varejo ou retalho. Contudo, é preciso cumprir certos requisitos.

Saiba tudo sobre isso já a seguir…

Como entrar na carreira de operador de empilhadeira

A experiência é muito importante para encontrar emprego, pois as empresas preferem quem já conheça a função. Contudo, nem sempre é fator eliminatório.

Em certas empresas exige-se ainda o ensino médio completo.

Mas o critério obrigatório é o certificado de condução de empilhador.

Como obter o certificado de operador de empilhador

A lei portuguesa define que os empilhadores “só podem ser conduzidos por trabalhadores devidamente habilitados”.

Assim, para exercer a função, precisa de obter o certificado de operador de empilhador. É a chamada carta de condução de empilhador que se obtém com uma formação específica.

Mas precisa de ser um curso reconhecido pela DGERT (Direção Geral do Emprego e das Relações de Trabalho). Pois, caso contrário, não será válido.

No Brasil, também têm de ser certificados. O Ministério do Trabalho indica que deve fazer um curso técnico de qualificação.

Para entrar nestes cursos deve cumprir critérios como, por exemplo, ter 18 anos ou mais e o ensino fundamental completo. Além disso, tem de ter a Carteira de Habilitação na categoria B ou superior.

Note-se que o certificado de operador de empilhador não é eterno, pelo que terá que o renovar, até para se atualizar.

Onde estudar para operador de empilhadeira

Fazer uma formação é essencial para operar empilhadeiras. Mas lembre-se que tem de ser um curso certificado. Pois só assim terá direito ao documento que lhe permitirá entrar na profissão.

Confirme na lista que se segue opções de formação que lhe podem interessar…

Portugal:

Brasil:

Como viu no texto, ser operador de empilhadeira é bastante exigente. Mas não desista por isso. Assim, se está mesmo interessado em ter um futuro nesta área, procure a formação certa. E comece já a preparar o futuro!

Partilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima