Ampelólogo

Ampelólogo, Ampelologia

Mais sobre a profissão

Modalidades:

Presencial, Ar Livre

Ordenado Médio Mensal:

1000€ - 1500€

Empregabilidade:

Baixa

Disciplinas do secundario:

Biologia Geologia

Idiomas:

Português

O Ampelólogo é um profissional da área da Botânica que estuda as videiras. Portanto, analisa elementos como a sua origem geográfica, a adaptação das castas aos solos e climas, mas também as doenças e os seus tratamentos.

Mas vem saber mais sobre essa profissão tão desafiante…

As videiras são a alma do mundo dos vinhos! A sua qualidade e o bom crescimento são essenciais para obter uma bebida de excelência. E é aqui que surge a profissão de Ampelólogo como um cientista das videiras.

Este Botânico concentra-se no estudo das videiras, bem como na sua origem geográfica e na adaptação das castas aos solos e climas. Além disso, também estuda as suas doenças e os tratamentos para as mesmas.

Assim, é um profissional essencial para a saúde das vinhas. Mas para trabalhar nesta área é preciso ter um perfil de cientista, pois o Ampelólogo centra-se nos aspetos mais científicos do cultivo da uva.

Portanto, é importante ter em conta esse aspeto antes de enveredar pela área profissional.

Mas vem descobrir um pouco mais sobre esse mundo para tirar todas as dúvidas…

É bastante difícil determinar o valor médio salarial de um Ampelólogo, pois os ganhos podem variar muito em função de vários aspetos.

Por um lado, é necessário avaliar o perfil profissional e académico que têm um peso importante no ordenado. Mas, além disso, o seu grau de especialização e de conhecimento também é de destacar.

Por outro lado, também é preciso ver onde é que o Ampelólogo trabalha. Pois, conforme as regiões vinícolas e a sua fama, pode ganhar mais ou menos. Todavia, a dimensão da empresa onde labore é outro dado a ter em conta.

Portanto, há muitas variáveis a pesar. Mas, para quem ama a profissão, o menos importante é o dinheiro.

O trabalho do Ampelólogo passa pelo estudo da biologia das videiras. Portanto, ele procura conhecer da melhor forma possível a evolução das castas. Assim, considera dados como a sua origem, o clima, o solo e possíveis pragas ou doenças.

A profissão enquadra-se na Botânica, mas com um foco na videira e em tudo o que a rodeia. Portanto, o Ampelólogo centra-se também nas formas de cultivo. Nesse sentido, avalia dados como a capacidade de absorção de água por cada casta durante as fases de crescimento da uva.

Deste modo, o Ampelólogo estuda aquela que é a fase mais inicial do processo de produção do vinho. Portanto, contribui para que a Viticultura obtenha os melhores resultados, pois ajuda ao correto desenvolvimento e crescimento das videiras.

Além disso, pode ser determinante para encontrar tratamentos para pragas e doenças das vinhas.

Porém, para entender melhor o trabalho desse profissional, vamos falar um pouco da ciência a que se dedica…

O que é a Ampelologia

A Ampelologia é a parte da Botânica que estuda as ampelidáceas, segundo o Dicionário da Língua Portuguesa. As ampelidáceas são uma família de plantas cujo tipo é a videira.

Portanto, de uma forma simplista, podemos dizer que é a ciência que se dedica ao tratamento da vinha.

Mas a que se dedica concretamente? A Ampelologia estuda a morfologia e o ciclo vegetativo das videiras, portanto, identificando as variedades de vides. Nesse processo tem em conta, por exemplo, o tamanho da cepa, o sexo da flor, a forma, textura e dentado das folhas e a cor das bagas.

Contudo, a ciência também envolve a fisiologia celular das videiras, bem como a influência da fotossíntese na uva.

Quais as suas funções

As funções de um Ampelólogo estão centradas no estudo do ciclo de crescimento da videira e da formação da uva, como já referido. Assim, é um processo de análise rigoroso e que requer um acompanhamento contínuo.

Portanto, o papel desse profissional é essencial para o Vinicultor conseguir as características desejadas no vinho.

Mas, na verdade, onde ele assume papel principal é na produtividade das vinhas, pois pode ser decisivo no combate a pragas.

A Ampelografia e a Ampelologia confundem-se muitas vezes, pois ambas têm o estudo das videiras como objeto de trabalho. Contudo, há diferenças entre estas duas áreas da Botânica.

Assim, a Ampelografia é considerada um ramo da Ampelologia, pois tem por objetivo caracterizar e identificar as variedades de videira. Portanto, tem um foco no estudo descritivo da vinha, por exemplo, analisando a forma e a cor de folhas, frutos e caules.

Já a Ampelologia é mais abrangente, pois dedica-se a vários aspetos da videira, desde o seu crescimento ao clima e aos solos. Assim, neste caso, o foco é sobretudo nos processos de cultivo.

Saídas no Mercado de Trabalho

Apesar da importância da Ampelologia para a saúde e a produção das vinhas, a profissão está pouco explorada. Portando, existem poucas vagas de emprego nesta área.

Muitas vezes, os Enólogos e os Viticultores acabam por ter parte do papel que seria competência desses profissionais. Assim, é preciso saber criar oportunidades nesse mercado.

Porém, também é preciso notar que a indústria dos vinhos está cada vez mais dinâmica. Nos últimos anos, têm surgido vários centros de investigação dedicados à uva e ao vinho.

Portanto, as chances de trabalho estão por aí. Só é preciso saber procurá-las e ter competência para as agarrar.

Não há um percurso profissional, nem académico evidente para quem quer ser Ampelólogo. As pessoas que trabalham nessa área trilham caminhos diversos.

Contudo, a maioria tem formações em Botânica, Enologia ou Viticultura. Assim, essa será a via ideal para entrar nesse mercado de trabalho.

Porém, se sonhas trabalhar nesta área, é bom que tenhas gosto pelo trabalho de campo. Mas também deves ter apetência por análises laboratoriais. Além disso, a paixão pelo vinho é fundamental.

Por outro lado, é importante ter capacidade crítica e de organização, bem como um sentido científico apurado.

Depois de reunidas estas condições, e com uma boa formação nas mãos, estás pronto para realizar o teu sonho!

Onde estudar Ampelologia

A Ampelologia surge, habitualmente, como uma disciplina em cursos das áreas da Enologia e da Viticultura. Portanto, não temos conhecimento de cursos intensivos dedicados à Ampelologia.

Contudo, há entidades da área vinícola que realizam formações nessa área. Assim, é importante ter atenção às informações de associações de produtores de vinho e de agremiações das regiões vinícolas.

Mas também podes começar por fazer uma formação mais abrangente, focando-te depois numa especialização em Ampelologia. Assim, deixamos-te algumas opções para avaliares…

Portugal:

Brasil:

Como confirmaste, o Ampelólogo é o cientista da videira! Mas já sabes se tens o que é preciso para abraçar essa profissão? Analisa bem o que queres e o que gostas de fazer, pois todo o trabalho precisa de saber e paixão na mesma medida. Mas qualquer que seja a tua escolha, desejamos-te muito sucesso.

Partilhar Post

Deixa o teu testemunho

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top