Argumentista

Argumentista

Mais sobre a profissão

Modalidades:

Teletrabalho, Presencial, Ar Livre

Matérias relacionadas:

História História da Cultura e das Artes Literatura Oficina de Artes Psicologia Sociologia

Idiomas:

Inglês, Português

O argumentista é o profissional que escreve o argumento para uma produção cinematográfica. Ao contrário do que muitos pensam, ele não faz o mesmo que o roteirista (também chamado de guionista).

Embora se usem esses termos como sinónimos, a verdade é que não o são. Os dois atuam no desenvolvimento do roteiro final, mas em etapas distintas.

Para quem gosta de escrever e para quem é apaixonado por cinema, esta pode ser uma profissão desafiantes e muito gratificante.

Se esse é o teu caso, então estás no sítio certo! Aqui, vamos mostrar-te o que faz um argumentista no seu dia a dia de trabalho, quais são as saídas profissionais, assim como outras informações importantes para entrares esta carreira.

Vens connosco?

O que faz um Argumentista?

O argumentista faz o argumento. Este é um documento que pode ter várias páginas, mas é antecessor ao roteiro. Cada página do argumento pode transforma-se entre 5 e 10 páginas de roteiro. Portanto, podemos dizer que o argumento serve de base para se fazer o roteiro literário.

Em algumas produções, é o próprio roteirista (guionista) a fazer o argumento. No entanto, esta é uma função dos argumentistas.

Neste documento, estão descritas as ações, mas também podem incluir algumas indicações de diálogos (mas só aqueles que são indispensáveis e essenciais ao desenvolvimento da ação). Ao contrário do roteiro, aqui não se faz a separação das cenas.

O desenvolvimento do argumento é feito depois de construído a logline e o storyline. A logline é o documento onde se define o protagonista e o conflito da história. É a base da trama. O protagonista ganha, aqui, as suas principais características e definem-se os objetivos e obstáculos da história. Geralmente, a logline resume a história numa única frase.

Depois que a logline está definida, fazemos o storyline, ou sinopse. Este é um documento mais aprofundado do que a logline. A descrição da personagem principal é mais profunda e vamos elaborar melhor o conflito vivido na trama.

No entanto, o storyline continua a ser curto, com cerca de 5 linhas. Serve para apresentarmos e desenvolvermos o conflito, assim como falar da resolução desse mesmo conflito.

Já no argumento, vamos explorar mais o conflito. É neste documento que vamos mostrar quais as ações que vão decorrer na trama ao redor do conflito e como ele se conclui. É também no argumento que mostramos qual a mensagem que a história vai passar.

Quando o argumentista é um profissional diferente do roteirista, este tem direito a aparecer nos créditos como criador da história, em argumento.

Quais as suas funções

O argumentista tem como principal função desenvolver o argumento de uma produção audiovisual. Sendo assim, ele tem de pegar no storyline (que já explicamos antes) e desenvolvê-lo. A partir de uma base, ele cria um documento mais detalhado, ainda em forma de texto corrido (sem separação de cenas ou diálogos).

Só depois de termos o argumento é que podemos passar para a construção da escaleta e do roteiro. A escaleta serve para estruturarmos o roteiro com base no argumento. É aqui que se fazem as indicações para a separação das cenas.

O roteiro, também chamado de script, é a fase final de desenvolvimento da história. Aqui incluem-se todos os elementos, como comportamentos, ações, diálogos, áudios, entre outros).

É comum que argumentista e roteirista se reúnam constantemente para troca de ideias. Além disso, reuniões com produtores também são comuns. O roteiro final tem de ser aprovado pelo produtor.

Saídas no Mercado de Trabalho

Embora o argumentista possa atuar em diferentes produções audiovisuais, o mercado de trabalho não é tão bom quanto aquele que gostávamos. Em cinema, as ofertas de emprego são poucas, além de ser um circuito muito fechado e de difícil acesso.

É na televisão e no teatro que se encontram as melhores oportunidades para quem quer atuar como argumentista. No entanto, devemos alertar para o facto de que o teatro costuma ter poucos recursos e, por isso, o roteirista (guionista) acaba por fazer também o argumento.

Existe ainda a possibilidade de trabalhares para agências publicitárias, no desenvolvimento do argumento de anúncios publicitários, em estúdios de animação (no desenvolvimento do argumento de animação), assim como na internet (na criação do argumento para os vídeos).

Como entrar na carreira de Argumentista?

Se queres seguir a profissão de argumentista, então deves optar por um curso no qual desenvolvas as tuas capacidades e habilidades de escrita, principalmente no que diz respeito ao desenvolvimento do argumento e guião (roteiro).

As opções são diversas. Podes, por exemplo, optar por um curso superior de Literatura, ou poderás seguir um curso técnico de escrita e desenvolvimento de roteiros. Estes cursos são mais práticos e já te direcionam para o trabalho de desenvolvimento do argumento e roteiro.

Além de um curso que te prepare para o dia a dia de trabalho, é importante que atualizes sempre os teus conhecimentos. Estudar ao longo da carreira é essencial se quiseres manter-te no mercado de trabalho de forma consistente.

Onde estudar para Argumentista?

É verdade que nem todos os argumentistas e roteiristas possuem um curso (superior ou técnico). No entanto, o mercado de trabalho está cada vez mais exigente e, por essa razão, profissionais qualificados são preferidos.

Por isso, reunimos aqui alguns cursos que podem interessar bastante. Ora vê!

Portugal:

Brasil:

Internacionais (online):

Se o teu sonho é seres um argumentista de sucesso, então não deixes de investir na tua formação. Esforça-te e dedica-te bastante, pois vai fazer toda a diferença no teu futuro profissional. Nós desejamos-te muito sucesso ao longo da tua carreira.

Partilhar Post

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top