Baterista

Baterista

Resumo da profissão

Modalidades:

Teletrabalho, Presencial

Matérias relacionadas:

Educação Física História da Cultura e das Artes Matemática Multimédia Oficina de Artes

Idiomas:

Inglês, Português

O baterista é um músico profissional que domina a bateria (instrumento musical essencial para dar ritmo e andamento à música). Ele está presente em todos os géneros e estilos musicais, o que demonstra bem a importância do seu papel em qualquer projeto musical.

Para os amantes de música e para aqueles com excelente coordenação motora, a profissão de baterista pode ser perfeita. É certo que não seguem uma carreira a solo, nem são olhados como a cara de uma banda, mas é certo que os bateristas são a alma de um projeto.

É impossível não olhar para o músico que carrega duas baquetas nas mãos e vibrar com o seu talento. Sem dúvida, não é um instrumento fácil de dominar e eles são capazes de dar uma energia única a um concerto.

Se adoravas pertencer a uma banda, grupo ou orquestra, e se tens talento para a bateria, então estás no sítio certo! Aqui vamos mostrar-te tudo o que precisas saber para seguir uma carreira na música.

Vens connosco?

O que faz um Baterista?

O baterista é um profissional das artes que toca bateria, usando baquetas (objeto, geralmente de madeira, em forma de bastão, com uma das pontas arredondadas, com a qual se bate nos diferentes elementos da bateria). Este instrumento é constituído por um bombo, caixa, timbalões e pratos.

Ele é o músico que confere andamento e ritmo à música e todos os outros músicos seguem os tempos dados pela bateria. O ritmo é garantido com o apoio do baixista. Assim, bateristas e baixistas ocupam a posição de base numa banda.

Embora nos possa parecer simples tocar bateria (principalmente se nunca nos sentamos em frente de uma), a verdade é que é preciso ter muita coordenação motora, pois cada pé e mão desempenha um movimento diferente. Além disso, são precisas muitas horas de treino e ensaios para alcançarmos o total domínio do instrumento.

Diferença entre Baterista e Percussionista

O baterista é o músico que toca bateria. O percussionista é um músico rítmico que domina vários instrumentos, como tímpanos, tambores, pandeiretas, tamborins, entre outros. Sendo assim, o percussionista é um termo usado para nos referirmos a um músico que toca vários instrumentos de percussão.

Os bateristas podem, também, incluir instrumentos diversos de percussão nos espetáculos, como pandeiros, sinos, entre outros. No entanto, o instrumento “chefe” é sempre a bateria.

Quais as suas funções

Um baterista profissional tem de estudar bastante. A verdade é que não basta saber tocar um instrumento musical. Para nos tornarmos bons no que fazemos, temos de praticar diariamente, durante algumas horas. Por isso, aquela ideia de que a vida de músico é só festa, não poderia estar mais errada.

Quando trabalhamos com música profissionalmente, temos de dedicar uma boa parte do nosso dia ao instrumento. Se, por um lado, existe uma aptidão natural para a música, por outro lado, muito do talento é desenvolvido com o treino.

Ouvir outros bateristas é muito importante para evoluirmos. Por isso, um profissional na área, não só treina, como despende muito tempo a pesquisar outros músicos. Esta pesquisa é essencial para nos mantermos motivados a crescer, mas também para nos inspirarmos e aprendermos sempre a cada dia.  

Como qualquer trabalho, o músico precisa ter atenção a lesões causadas pelo esforço repetitivo. O baterista, embora muitas vezes deixemos de lado a preocupação com a saúde e o corpo, deve ter especial cuidado com as lesões de esforço repetitivo, as quais podem colocar em causa uma carreira profissional nos médio e longo prazos.

Fazer alguns exercícios motores, aquecimentos, e usar equipamentos de proteção, são importantes para assegurar uma carreira longa e promissora.

Nos dias em que tem apresentações ao vivo, este músico tem de verificar se o seu instrumento está em perfeitas condições para a atuação (principalmente as peles). Depois que chega ao local do concerto, monta a bateria e faz o teste de som (sozinho e em grupo) para garantir que a sonoridade está perfeita.

Depois do espetáculo, ele tem de desmontar a bateria (ou instalá-la numa case própria para o transporte seguro do instrumento musical).

Outras funções do Baterista

A vida de um baterista profissional pode não ser resumida a espetáculos ao vivo. Sem dúvida, viver de concertos não é fácil e, por isso mesmo, muitos profissionais procuram outras formas de ganhar dinheiro.

A boa notícia é que conhecimentos em música nos abre imensas portas no mercado de trabalho. Dar aulas de bateria é, com toda a certeza, uma das formas de garantir o “sustento” a muitos bateristas.

Se optares por esta via, tens de olhar para cada aluno de forma individual. Mesmo em aulas de grupo, cada um dos alunos está num nível distinto, com dificuldades diferentes e necessidades próprias.

Sabe mais no nosso artigo sobre Professor de Música

Atuar como músico de sessão é outra possibilidade. Se optares por este caminho, vais gravar a bateria das músicas de outros artistas e bandas, seguindo sempre as orientações do produtor musical.

Saídas no Mercado de Trabalho

O baterista profissional pode integrar uma banda/grupo de música de vários estilos e géneros musicais ou uma orquestra. Embora o sonho de pisar um palco seja comum à maior parte dos músicos, a verdade é que existem outras saídas profissionais para os bateristas.

Ora vejamos!

  • Dar aulas de bateria em casa, em conservatórios ou escolas de música
  • Dar aulas/cursos de bateria online
  • Trabalhar como músico substituto
  • Atuar como músico de sessão
  • Ser músico na televisão (em programas com música ao vivo, por exemplo)
  • Ser músico no teatro, principalmente em musicais

Como entrar na carreira de Baterista?

Para te tornares um bom baterista, antes de mais nada tens de estar focado em aprender a técnica da bateria. O estudo da música é essencial quando queremos seguir uma carreira na música, portanto, se tiveres oportunidade de frequentar uma escola de música ou um conservatório, melhor!

Caso queiras pertencer a uma orquestra, ou se quiseres dar aulas, por exemplo, um curso superior em música é essencial.

Onde estudar para ser Baterista?

Como vimos, não precisas de estudos universitários para te tornares um baterista. Mas, se quiseres destacar-te, pertencer a uma orquestra, ou dar aulas de bateria, os cursos superiores em música são indispensáveis.

Por isso, deixamos-te aqui algumas das instituições que dispõem de um curso de música.

Portugal:

Brasil:

Gostavas de ser baterista profissional? Então não desistas nunca dos teus sonhos e trabalha muito para conquistar tudo aquilo que desejas. Com toda a certeza, todo o esforço vai valer a pena. Nós desejamos-te muito sucesso.

Partilhar Post

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Scroll to Top