Bodyboarder

bodyboarder

Resumo da profissão

Modalidades:

Ar Livre

Matérias relacionadas:

Educação Física

Idiomas:

Português

O bodyboarder é um atleta que pratica bodyboarding de forma profissional. Embora muitos não olhem para este desporto como uma fonte de renda, ou uma possibilidade de carreira, existem cada vez mais jovens que se dedicam a esta disciplina de surfing e pretendem segui-la como profissão.

Pode parecer absurdo pensar em fazer do bodyboarding uma carreira profissional. No entanto, com o aumento de visibilidade desta modalidade desportiva, existem cada vez mais marcas que querem patrocinar estes atletas profissionais.

Sendo assim, se adoras desporto e se o bodyboard te atrai particularmente, então este artigo foi feito para ti.

Aqui, vais descobrir como podes tornar-te um profissional do bodyboard e tudo o que a profissão envolve.

Vens connosco?

O que faz um Bodyboarder?

O bodyboarder participa de competições oficiais de bodyboard. Este é um desporto que derivou do surf, mas que tem ganho espaço nos últimos tempos. A característica mais marcante deste desporto é o facto de se praticar deitado em cima da prancha (embora também possam fazê-lo com um dos joelhos na prancha – dropknee), e não em pé, como no surf.

A prancha também é diferente daquela usada no surf. Além de ser muito mais pequena, os materiais usados no seu fabrico também são distintos. Comparando-a com a prancha de surf, a prancha de bodyboard é mais flexível. Este fator permite que os atletas façam manobras aéreas com mais facilidade, assim como manobras com maior grau de dificuldade.

Como praticante de bodyboarding profissional, e participando de competições oficiais, o domínio das manobras é essencial. Durante as competições, avalia-se cada uma dessas manobras.

Manobras de Bodyboarding

O bodyboarder profissional tem de realizar várias manobras em cima da prancha de bodyboard. Entre as manobras mais conhecidas estão:

  • Cutback – Consiste em subir à crista da onda (lip) da onda e depois fazer uma curva, descendo para a espuma da onda.
  • El Rollo – Esta manobra é uma das mais conhecidas, sendo mesmo aquela que caracteriza o desporto. Consiste em dirigir-se até ao lip e realizar um giro lateral.
  • 360º e 360º invertido – Esta manobra consiste em dar uma volta de 360º (ou na direção da onda, ou na direção inversa).
  • Air Rol Spin – Também conhecida como ARS, esta manobra consiste em ir em direção ao lip e executar um misto entre a manobra 360º no ar e a El Rollo.
  • Invert – Consiste em inverter a prancha no ar na crista da onda.

Conhece também a profissão de Surfista

Quais as suas funções

Sem dúvida, o bodyboarder profissional tem uma rotina diária bastante exigente, na qual os treinos de bodyboarding estão sempre presentes.

Quando escolhemos o desporto como profissão, temos de estar cientes de que teremos de fazer vários sacrifícios pessoais em prol da nossa carreira. Além de termos de ser muito rígidos com os nossos horários (levantar muito cedo e deitar cedo também), temos ainda de ter uma alimentação muito regrada e olhar para o nosso corpo como um “templo”.

Os treinos devem ser diários. Quando não é possível praticar bodyboard, o atleta deve exercitar-se de outras formas (fazer musculação, por exemplo).

Hoje em dia, com a internet e os vários sites especializados para os desportos radicais aquáticos, os atletas podem ver, em tempo real, como estão as ondas nas diferentes praias. Assim, é possível saber, no momento, qual o melhor local para os treinos. Sem dúvida, vieram facilitar bastante na organização do dia a dia dos atletas.

Todo este trabalho tem como objetivo a participação de eventos, torneios, assim como de competições oficiais. A inscrição e preparação para estes faz parte, também, da rotina de trabalho deste atleta profissional.

Em Portugal, o quadro competitivo engloba:

  • Circuito Nacional de Bodyboard Open (nas categorias Open, Dropknee e Feminino)
  • Campeonato Nacional de Bodyboard Masters (conta com duas categorias. São elas + de 35 anos e + de 45 anos)
  • Circuito Nacional de Bodyboard Esperanças (para crianças e jovens, indo da categoria Sub12 até Sub18)
  • Circuitos Regionais

No Brasil, “O Circuito” é, com toda a certeza, um dos eventos mais importantes do bodyboard, contando com as categorias:

  • Profissional Masculino
  • Profissional Feminino
  • Open (masculino e feminino)
  • Sub 16 (apenas masculino)
  • Master 35

Saídas no Mercado de Trabalho

O bodyboarder profissional é um profissional autónomo, ou seja, ele é o seu próprio patrão e gere a sua própria carreira enquanto atleta profissional. A procura de patrocinadores é, sem dúvida, o grande objetivo destes profissionais, pois conseguem rendimentos para além dos prémios monetários das competições.

No caso de alcançar prestígio e fama no mundo do bodyboard, é possível, também, conseguir outras formas de rendimento, com trabalhos paralelos, como, por exemplo:

  • Dar entrevistas
  • Participar de eventos desportivos, assim como de eventos noutras áreas
  • Participar de anúncios de publicidade
  • Fazer vídeos patrocinados para diferentes produtos/marcas através das redes sociais, por exemplo
  • Realizar ensaios fotográficos

Além destas possibilidades, o bodyboarder pode também atuar como professor desta modalidade desportiva.

Como entrar na carreira de Bodyboarder?

A par da área da cultura e das artes, a do desporto é uma das mais difíceis. Como sabemos, os apoios nestas áreas são muito escassos, por isso é difícil viver apenas desta atividade. No entanto, é possível ser bodyboarder profissional!

Inicialmente, os atletas profissionais acabam por ter de pagar para trabalhar, ou seja, têm de ter dinheiro para se manterem enquanto não surgem contratos de patrocínios.

Embora se ganhe algum dinheiro com os prémios das competições, não nos podemos esquecer que em cada competição só um é vencedor. Portanto, não podemos esperar por esse dinheiro para fazer a gestão financeira da nossa vida.

É precisamente este o motivo pelo qual muitos jovens desistem de seguir uma carreira profissional no bodyboard, assim como noutros desportos. No entanto, quando temos um sonho, e quando estamos dispostos a fazer tudo o que for preciso para realizá-lo, tudo é possível.

A melhor forma de conseguires os patrocínios (que é o que realmente te permite viver deste desporto) terás de participar no máximo de eventos e competições possível.

Onde estudar para Bodyboarder?

Se queres ser um bodyboarder profissional, então aconselhamos-te a que procures uma escola onde se ensine esta modalidade desportiva. Como terás de adquirir técnica e dominar as diferentes manobras, é essencial que tenhas professores “à altura”.

Deixamos-te aqui algumas escolas que se dedicam ao ensino desta modalidade. Ora vê!

Portugal:

Brasil:

Gostavas de te tornar um bodyboarder profissional? O teu sonho é seres um atleta de referência? Então dedica-te bastante à tua carreira, pois é isso que fará de ti o melhor dos melhores. Nós, do Guia das Profissões, desejamos que conquistes tudo aquilo que desejas. Sucesso!

Partilhar Post

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Scroll to Top

A tua opinião conta para nós!

Participa no Inquérito de Satisfação do Guia das Profissões e ajuda-nos a melhorar. Responde agora e ganha o e-book “Como organizar o Seu Tempo?”

mulher apontando