Compositor de Trilhas Sonoras

compositor de trilhas sonoras

Mais sobre a profissão

Modalidades:

Teletrabalho, Presencial

Matérias relacionadas:

História da Cultura e das Artes Matemática Oficina de Artes

Idiomas:

Inglês, Português

O compositor de trilhas sonoras, também chamado de compositor de bandas sonoras ou trilhas musicais, é o profissional que cria as músicas para as diferentes produções audiovisuais.

Este é um trabalho central em qualquer produção, e não é difícil perceber o porquê! Quem assistiu, por exemplo, aos grandes clássicos da Disney, entende que as músicas usadas têm um papel importante para o sucesso.

Sem dúvida, existem músicas de filmes que conseguem ter tanto, ou mais, destaque do que a história em si. Por isso, o compositor é um dos profissionais mais importantes numa produção audiovisual.

Se és um apaixonado por música e por cinema, ou produções audiovisuais, então esta pode ser a profissão que tanto estavas à procura.

Neste artigo vamos mostrar-te tudo o que precisas saber sobre esta carreira e o que tens de fazer para seguir esta profissão.

Vamos?

O que faz um Compositor de Trilhas Sonoras?

O compositor de trilhas sonoras faz todas as músicas de um filme, série, ou qualquer outra produção audiovisual. Mais do que compor e gravar o tema principal de uma produção, o compositor compõe todas as músicas de ambientação da história, como, por exemplo, músicas de:

  • Suspense
  • Amor
  • Aventura
  • Terror

Em todas as produções, existem diferentes momentos que se usam da música para envolver o público. Por isso, o compositor precisa envolver-se na trama para criar as trilhas sonoras.

A música é uma arte capaz de despertar emoções e sentimentos e, por essa mesma razão, mostra-se um elemento indispensável em qualquer produção audiovisual.

Não se trata, então, de um embelezamento do filme, série, etc. A música, ou seja, a trilha sonora, é responsável por trazer o público para “dentro” da história. Portanto, podemos afirmar que a trilha sonora é tão importante quanto o roteiro, direção de arte, entre outros elementos da produção.

Conhece também a profissão de Compositor

Quais as suas funções

O compositor de trilhas sonoras compõe todas as músicas usadas numa produção audiovisual, seja ela para o cinema, teatro, televisão, videojogos, internet, ou outras áreas. O objetivo de incluir a trilha sonora é tornar a narrativa mais rica, além de cativar o público, fazendo com que ele seja “invadido” por sentimentos que vão ao encontro da história.

Este não é um trabalho fácil, nem rápido de se fazer. Exige que o compositor pense bem em como vai desenvolver a trilha sonora, mantendo-a equilibrada com a restante produção.

Saídas no Mercado de Trabalho

O compositor de trilhas sonoras encontra várias oportunidades no mercado de trabalho. Além de poder atuar no cinema, pode encontrar trabalho em animações, teatro, publicidade, videojogos, e até para websites.

Em Portugal, assim como no Brasil, não existem muitos profissionais que procurem seguir esta carreira. Existe, sim, uma carência de compositores que se dediquem a este mercado, o que pode significar uma excelente escolha profissional para os estudantes de música e composição.

Embora possas trabalhar para uma empresa ou produtora, o mais comum é que trabalhes como freelancer. Ao trabalhares como autónomo, vais vender uma parte, ou a totalidade, dos direitos de autor das trilhas sonoras.

Devemos dizer, neste momento, que como profissional autónomo, terás de ter grande capacidade de gestão de dinheiro. Podes ganhar muito bem para a composição de uma trilha sonora, mas também podes passar meses sem encontrar um único trabalho.

Sendo assim, terás de ser muito ponderado em gastos e investimentos. Os meses melhores têm de compensar os meses em que tens pouco, ou nenhum, trabalho.

Ainda não sabes se esta é a profissão certa para ti? Então usa o nosso Simulador e faz os nossos Testes Vocacionais!

Como entrar na carreira de Compositor de Trilhas Sonoras?

Embora não precises ter uma formação superior ou técnica para te tornares compositor de trilhas sonoras, tanto em Portugal, como no Brasil, se quiseres entrar no mercado de trabalho com o pé direito e construir uma carreira sólida, é importante que tenhas conhecimentos em música e, principalmente, em composição.

Por isso, se a tua ideia é seguires esta profissão de corpo e alma, aconselhamos-te a que procures um curso superior em Música, com especialização em Composição.

O ideal é que tenhas frequentado, desde cedo, o Conservatório de Música. Como qualquer arte, quanto mais cedo começares a aprender, melhor!

No entanto, se esse não é o teu caso, não é motivo para desistires. Quando temos um sonho, devemos lutar por ele sempre. Pode significar um maior esforço da nossa parte, maior dedicação e mais tempo, mas conseguimos chegar lá!

Para começares a receber os direitos de autor das obras que compões, tens de estar também inscrito na Sociedade Portuguesa de Autores.

No caso do Brasil, exige-se que o compositor tenha carteira profissional para registar as músicas, assim como para receber os direitos autorais. É possível pedir a carteira profissional através da internet. Existem muitas instituições que fornecem a carteira profissional, como a MusicasRegistradas.

Onde estudar para Compositor de Trilhas Sonoras?

Como vimos, se queres construir uma carreira sólida como compositor de bandas sonoras, então é importante teres conhecimentos aprofundados de música e composição. Por isso, uma licenciatura em Música, com especialização em Composição, mostra-se a escolha acertada.

Aqui, selecionamos alguns cursos que te podem interessar.

Portugal:

Brasil:

Gostavas de ouvir as tuas músicas em grandes filmes de cinema ou em séries na televisão? O teu sonho é tornares-te um compositor de trilhas sonoras de sucesso? Então investe na tua formação, pois vai fazer toda a diferença no teu futuro profissional. Nós desejamos que consigas alcançar tudo aquilo que desejas. Sucesso!

Partilhar Post

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top