Produtor Musical

Produtor Musical

O produtor musical é um técnico superior com conhecimentos que permitem o trabalho com a música. Ele tem como função principal a audição, ou seja, registar auditivamente, tratar, compreender, dominar todas as suas utilizações, recriar e criar e tudo o que se possa atribuir ao som.

Outros nomes para esta profissão:

  • Modalidades: Teletrabalho, Presencial
  • Ordenado Médio Mensal: 1000€ - 1500€
  • Empregabilidade: Média
  • Empregabilidade: Trabalho em Equipa
  • Disciplinas do Secundário/ensino médio: Geografia, Geometria Descritiva, História, Línguas, Literatura, Matemática
  • Idiomas: Inglês, Português

Um produtor tem de dominar todas as tecnologias associadas ao som e ao seu tratamento. Os instrumentos e as suas características também fazem parte do conjunto das suas capacidades a desenvolver.

O curso de produção musical é um dos cursos superiores da área vocacional de Música, com variante de produção musical, voltado para as novas tecnologias, não esquecendo a base musical de tronco comum às outras áreas.

Este curso pressupõe sempre uma prova de ingresso onde o aluno tem que prestar provas específicas do seu conhecimento da área a que concorre.

Se quer saber mais sobre esta profissão, então continue neste artigo e descubra como é a vida de um produtor musical, quais as suas funções, como pode entrar na carreira e quais as saídas no mercado de trabalho. Confira!

O que faz um Produtor?

Um produtor é um artista ligado a uma área vocacional onde a criatividade é a chave do trabalho. Ele também analisa, adapta e recria trechos de músicas, pequenas peças, ou então obras completas, e todos os tipos de sons que possam existir.

Munidos da tecnologia, e ao comando da mesma, domina a gravação, mistura (mixagem) e masterização de sons captados fisicamente ou então criados virtualmente.

Muitas vezes acabam por complementar o trabalho do compositor, mas também podem trabalhar junto dele, numa fase mais avançada do projeto.

Quais as suas funções

Os estúdios são o habitat natural de um produtor, pois é lá que ele desempenha uma série de tarefas específicas. De entre elas, podemos destacar, por exemplo:

  • Produção de linhas de instrumentos (virtuais)
  • Captação de instrumentos e vozes
  • Tratamento de áudio através de vários softwares ou interfaces físicas, ou digitais
  • Mistura de várias faixas de áudio
  • Direção técnica em estúdios de audiovisuais (televisão, cinema, teatro, entre outros)
  • Projetista acústico de salas de espetáculos e equipamentos eletroacústicos
  • Produção de pequenos anúncios publicitários

O produtor, regra geral, trabalha em cooperação com todas as valências inerentes à sua área.

Saídas no Mercado de Trabalho

Sem dúvida, as saídas no mercado de trabalho para o produtor musical são vastas. No entanto, a maioria destes profissionais trabalham em estúdios de gravação.

Poderão, ainda, trabalhar em agências de publicidade, programas de televisão, teatros, rádios locais ou então digitais, empresas de produção de espetáculos, salas e auditórios de espetáculos.

Da mesma forma que todos os outros profissionais na área da música com curso superior (universitário), os produtores musicais podem seguir a carreira da docência, dando aulas em academias de música, faculdades de ensino superior musical, escolas e conservatórios de música.

A grande maioria dos produtores trabalham por conta própria, criando mais tarde os seus próprios estúdios.

Devido ao avanço tecnológico, hoje em dia, fica barato criar o seu próprio “Home Studio” para iniciar os seus trabalhos, em vez dos muitos milhares em equipamento que se gastava há algum tempo.

No entanto, um estúdio profissional, com todas as capacidades de captações em alta qualidade, continua a exigir um investimento alto.

Um bom produtor musical tem de construir uma carreira, passo a passo, para poder cobrar valores mais altos, assim como qualquer profissional que queira trabalhar por conta própria.

A indústria audiovisual é a grande consumidora dos produtos dos produtores musicais e das necessidades técnicas que os seus próprios programas necessitam, papeis esses desempenhados por um produtor musical.

Devido à constante evolução das tecnologias, um produtor deve estar sempre atualizado para que possa acompanhar, da mesma forma, o avanço tecnológico.

Como entrar na carreira de Produtor Musical

Para entrar na carreira de produtor musical é vantajoso, embora não obrigatório, ter o curso superior de produção musical. Em Portugal, este curso tem uma duração de 5 anos, concluindo o mestrado integrado. Já no Brasil, o curso tem uma duração média de 4 anos.

De entre as diversas disciplinas estudadas ao longo do curso, podemos destacar, por exemplo:

  • Análise da Música Tonal
  • Análise Musical
  • História da Música
  • Acústica musical
  • Músicas do Mundo
  • Técnicas e Sistemas de Áudio
  • Eletrotecnia e Eletrónica Aplicada
  • Técnicas de Leitura e Audição Ativa
  • Análise e técnicas de composição
  • Formação Musical
  • Psicologia da música
  • Música Eletroacústica
  • Psicologia da música
  • Perceção Musical
  • Laboratório de Música Eletroacústica

As oportunidades de trabalho vão surgindo muitas vezes num regime de contratação artística liberal “freelancer”, elaborando trabalhos esporádicos para diversos clientes.

A docência é, sem dúvida, uma oportunidade de trabalho, especialmente para aqueles que querem uma carreira segura na área da música, podendo complementá-la com o trabalho de produtor musical freelancer.

Onde estudar Produção Musical

Portugal:

Brasil:

Estes são alguns dos estabelecimentos de ensino reconhecidos pelo ministério da educação:

Se quer ter uma carreira brilhante na área da produção, então deve apostar desde início na excelência, profissionalismo e dedicação. Caso respeite estes requisitos, com toda a certeza, o sucesso será alcançado no curto espaço de tempo.

Todos os espetáculos, concertos, emissões televisivas, emissões radiofónicas, entre outras, têm, sem dúvida, o cunho do produtor, o que demonstra bem a grande importância deste profissional no mundo moderno.

Se tem um talento especial para a música, criatividade, e gosto pelos detalhes e perfecionismo, então tornar-se produtor musical pode ser a carreira perfeita a seguir! É importante que dedique todo o seu esforço e dedicação na sua formação, pois é fundamental para o seu sucesso profissional!

Partilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima