Professor de Ciência Política

Professor de Ciência Política

Mais sobre a profissão

Modalidades:

Teletrabalho, Presencial

Matérias relacionadas:

Ciência Política Direito Economia Filosofia História

Idiomas:

Inglês, Português

O Professor de Ciência Política dá aulas aos alunos do ensino secundário que escolham esta disciplina no 12º ano, assim como dá aulas na universidade em cursos em que esta disciplina esteja presente.

Esta é uma profissão que poucos seguem, talvez pela falta de ofertas de trabalho. No entanto, se esse é o teu desejo, não deves desistir nunca! Quando temos um objetivo na vida, não devemos hesitar em persegui-lo. Pode ser uma luta difícil, mas vai valer a pena quando estiveres no lugar que tanto sonhaste.

Portanto, se gostavas de ser Professor de Ciência Política, está na hora de arregaçares as mangas e saber o que precisas fazer para seguir esta carreira.

Neste artigo vamos mostrar-te o que faz um Professor de Ciência Política, assim como as funções que tem no seu dia a dia de trabalho, as saídas no mercado de trabalho e tudo o que precisas fazer para seguir esta carreira.

Estás curioso para saber mais sobre esta profissão?

Então continua connosco!

O que faz um Professor de Ciência Política?

O Professor de Ciência Política dá aulas aos alunos do ensino secundário que optem por estudar esta disciplina no 12º ano, mas também pode dar aulas na universidade em cursos que incluam esta ciência no seu programa curricular.

No ensino secundário, e sendo uma disciplina anual, o Professor dá apenas uma iniciação à Ciência Política e tem como objetivo formar os alunos para a cidadania.

Nestas aulas, o Professor dá a conhecer as principais ideias políticas da modernidade, mas também aborda outras questões, como o papel do Estado e temas políticos mundiais que sejam relevantes atualmente.

O Professor de Ciência Política dá ferramentas aos alunos para que eles consigam fazer uma análise crítica do mundo, permitindo que eles participem ativamente na sociedade, com argumentos válidos e informados.

Se quiseres dar aulas de Ciência Política, então deves ser capaz de fazer com que os alunos sejam ativos em sala de aula. A ideia é que os alunos participem à medida que se vão abordando temas políticos da atualidade.

Estimular os alunos a pensar e a argumentar é essencial para conseguirmos alcançar o objetivo desta disciplina.

Quais as suas funções

A principal função do Professor de Ciência Política é apresentar esta disciplina aos alunos, dando-lhes ferramentas para que possam pensar a política atual de forma crítica e informada. Como tal, o programa da disciplina inclui, por exemplo:

  • Poder Político e o Estado
  • Constitucionalismo Liberal e os Direitos do Homem e do Cidadão
  • Ideologias Políticas
  • Regimes políticos democráticos e não democráticos
  • Sistemas de governo na atualidade
  • Relação dos cidadãos com a política
  • Sistema político em Portugal
  • União Europeia como sistema político
  • Diversidade cultural e o fim do Estado-nação homogéneo
  • Globalização e governança global
  • Terrorismo e Guerra

Além de dar aulas, o Professor de Ciência Política também tem uma série de outras tarefas no seu dia a dia. A verdade é que os Professores trabalham muito mais do que pensamos. São muitas horas gastas na preparação de aulas, organização de materiais didáticos e preparação de atividades para realizar em sala de aula.

Também existem reuniões com outros professores para acompanhar o desempenho dos alunos e das diferentes turmas, para que sejam tomadas decisões conjuntas para um melhor aproveitamento da turma e do aluno.

Saídas no Mercado de Trabalho

O Professor de Ciência Política pode trabalhar em escolas públicas e privadas do ensino secundário. Esta é uma disciplina anual, opcional, que pode ser oferecida pelas escolas. Não é obrigatório que as escolas tenham esta disciplina, por isso, as ofertas de trabalho não são assim tantas.

Outra possibilidade é dar aulas na universidade, mas também não é fácil conseguir uma colocação. A concorrência para a docência universitária é muita, e só os melhores dos melhores conseguem uma oportunidade.

Poderás ainda dar aulas particulares a alunos do secundário e universitários que precisem de ajuda para terem melhores resultados nas aulas e nos exames finais. Esta é, sem dúvida, uma excelente opção para ganhares algum dinheiro extra.

Como entrar na carreira de Professor de Ciência Política?

Para seguires a carreira de Professor de Ciência Política, tens de concluir o mestrado em Ciência Política e Relações Internacionais. É importante garantires que tiras o curso numa faculdade que te permita, depois, dar aulas.

Algumas instituições não formam os alunos para o ensino e, por isso, não são aptos a concorrer a vagas nas escolas públicas, e também será difícil conseguirem uma colocação numa escola privada.

Podes ainda tornar-te Professor de Ciência Política no secundário com o mestrado em ensino da Filosofia, ou um mestrado em ensino da Economia e Contabilidade, por exemplo.

No caso de quereres tornar-te professor universitário, deves prosseguir os teus estudos e fazer o doutoramento. É muito difícil conseguirmos uma colocação como professor universitário. Portanto, se esse é o caminho que queres seguir, deves dedicar-te ao máximo para que a universidade te veja como uma referência na área, ou com grande potencial investigativo.

Onde estudar para ser Professor de Ciência Política?

Portugal:

Brasil:

Estás decidido em seguir a profissão de Professor de Ciência Política? É esse o teu sonho? Então não desistas e segue em frente. Nós, do Guia das Profissões, desejamos-te muito sucesso na tua vida profissional.

Partilhar Post

Deixa o teu testemunho

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top