Designer de Mobilidade

Designer de Mobilidade

Mais sobre a profissão

Modalidades:

Presencial

Ordenado Médio Mensal:

1500€ - 2000€

Empregabilidade:

Média

Disciplinas do secundario:

Desenho Geometria Descritiva Materiais e Tecnologias

Idiomas:

Inglês, Português

O Designer de Mobilidade é o profissional que se dedica a pensar e a desenvolver soluções de mobilidade. Isto significa que tem como objetivo facilitar a forma como todas as pessoas se movem nas cidades.

A mobilidade urbana é uma grande preocupação dos responsáveis políticos. Os principais autarcas têm em marcha planos de mobilidade nas suas cidades. Além disso, o número de profissionais nesta área continua a aumentar todos os anos.

Assim, o Designer de Mobilidade aponta às cidades inteligentes do futuro. Mas a sua missão passa já pelo hoje e o foco está em melhorar a vida das pessoas. E, portanto, pensa em dar-lhes mais qualidade de vida através de soluções que facilitam a forma como se movem no espaço urbano.

Podes estar a pensar que a mobilidade tem como único foco as pessoas com incapacidades físicas. Mas não é bem assim. A sociedade está cada vez mais envelhecida e com o número de idosos a crescer, também há mais pessoas com dificuldades de deslocação.

É a estes desafios que o Designer de Mobilidade procura responder, buscando as melhores soluções para a felicidade de todos.

Fica connosco para saberes mais da profissão!

O que faz um Designer de Mobilidade

O papel principal do Design de Mobilidade é responder aos desafios presentes a pensar nos melhores cenários futuros. É, portanto, em certa medida, um visionário.

A profissão implica um lado de investigação, pois é preciso explorar novas oportunidades e as tecnologias que estão a aparecer.

Mas, em termos gerais, o trabalho do Designer de Mobilidade passa pelo seguinte:

  • Idealizar sistemas de mobilidade urbana mais eficientes e, logo, mais baratos
  • Encontrar soluções de veículos menos poluentes
  • Reduzir o tráfego nas cidades
  • Desenvolver soluções de partilha de transportes
  • Projetar veículos autónomos.

Design de Mobilidade vs Arquitetura e Urbanismo

As áreas da mobilidade e da Arquitetura e Urbanismo estão relacionadas – uma não pode funcionar bem sem a outra.

Assim, os Arquitetos devem projetar cidades a pensar nas pessoas e na forma como estas se deslocam. Mas os Designers de Mobilidade também precisam de pensar no espaço urbano em redor.

Porém, quando não há um bom planeamento urbano, é impossível que as duas áreas se complementem e, portanto, não podem funcionar em prol dos cidadãos, como deveria ser.

Assim, os profissionais das duas áreas são essenciais para planear as nossas cidades e a forma como nos movemos por elas. Só assim será possível um futuro melhor.

Quais as suas funções

A função do Designer de Mobilidade é responder a desafios que lhe proponham, para melhorar a vida das pessoas, como já dissemos. Assim, o seu trabalho pode passar por fazer planos urbanos de mobilidade, mas também pelo design de veículos e outros equipamentos.

Trata-se de um trabalho feito em equipa com profissionais como, por exemplo, o Arquiteto, o Urbanista e o Engenheiro de Transportes e da Mobilidade. Cada um destes dará o seu contributo para que o resultado final favoreça todos os cidadãos.

Mas, para teres uma ideia mais clara do que faz um Designer de Mobilidade, vamos deixar-te a lista de alguns dos trabalhos que pode fazer:

  • Planos de acessibilidade e mobilidade para todos
  • Projetos de turismo acessível
  • Adaptação de obras e de edifícios
  • Redes de ciclovias
  • Planos de transportes coletivos
  • Projetos de segurança rodoviária e de trânsito
  • Auditorias
  • Certificação
  • Pesquisa de materiais alternativos para transportes urbanos sustentáveis.

Agora, vem saber como é o mercado de trabalho nesta área.

Quanto ganha um Designer de Mobilidade

Os ordenados nesta atividade variam muito conforme o tipo de trabalho realizado. Mas também o grau de experiência do profissional e, claro, o seu talento são decisivos.

Há setores onde os salários podem ser mais elevados, como, por exemplo, na indústria automóvel. Assim, vale a pena investir em criar veículos sustentáveis e autónomos.

Por outro lado, pode trabalhar para alguma entidade pública, o que também assegura um ordenado interessante, além de progressão na carreira e outras regalias.

Repara que esta é uma área que está em crescimento e a tendência é que estes profissionais sejam, cada vez mais, valorizados.

Saídas no Mercado de Trabalho

Muitas cidades mundiais têm problemas de planeamento urbanístico, com construções desordenadas e muitas pessoas a viverem no mesmo espaço. Além disso, têm transportes públicos ineficientes e um trânsito doido para desgraça de todos. Assim, buscam soluções para melhorar o dia a dia dos cidadãos.

Aqui entra em jogo o Designer de Mobilidade como uma figura que será cada vez mais fundamental. Portanto, é uma profissão de futuro e que já está a olhar para o amanhã das cidades inteligentes.

Há uma preocupação crescente com as questões ambientais e com a procura de soluções sustentáveis e que causem menos impactos no planeta e nas pessoas. Assim, a procura pelo Design de Mobilidade tende a crescer também e podes esperar boas oportunidades de trabalho. É uma área estratégica para o futuro.

Em termos de saídas concretas, estes profissionais podem trabalhar em gabinetes de Arquitetura e Urbanismo, mas também em empresas de Construção Civil e até em entidades do Estado.

Continua a ler para saberes como fazer parte deste mundo…

Como entrar na carreira de Designer de Mobilidade

A melhor forma de entrar nesta profissão é através da formação específica. Assim, podes até começar por tirar um curso geral de Design. Contudo, deves tirar uma especialização, ou pós-graduação, em Mobilidade para teres reais hipóteses de entrar nesta área.

Vê que os cursos têm, muitas vezes, parcerias com empresas para estágios, o que é uma boa forma de entrar no mercado de trabalho.

Mas se quiseres uma oportunidade de emprego no Estado, prepara-te para participar em concursos públicos, onde terás de lutar pelas vagas existentes. Nestes casos, é sempre melhor informares-te de quais são os requisitos necessários para entrar. Assim poderás preparar-te melhor.

De resto, investe em ti, aprende mais, atualiza sempre conhecimentos e nunca desistas de cumprir o teu sonho!

Onde estudar Design de Mobilidade

Os cursos na área do Design de Mobilidade não abundam, mas há muitas especializações como pós-graduações, por exemplo.

Assim, é sempre boa ideia fazer uma formação de base em Design para depois aprofundar os conhecimentos na área da mobilidade. O essencial é que busques um curso reconhecido e com uma boa componente prática.

Mas para te ajudar, deixamos-te, de seguida, alguns links que te podem interessar…

Portugal:

Brasil:

Como já percebeste, após esta leitura, o Designer de Mobilidade é um profissional de futuro que pode ser decisivo na forma como vamos viver as nossas cidades. Achas que tens o que é preciso para triunfar nesta área? Ficamos a torcer pelo teu sucesso. Avança com confiança!

Partilhar Post

Deixa o teu testemunho

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top