Editor de Livros

Editor de Livros

Mais sobre a profissão

Modalidades:

Teletrabalho, Presencial, Ar Livre

Matérias relacionadas:

Filosofia História História da Cultura e das Artes Línguas Literatura Psicologia Sociologia

Idiomas:

Francês, Inglês, Português

O editor de livros é a pessoa que escolhe os livros que a editora vai publicar. O dia a dia é passado rodeado de livros, por isso é essencial que goste de ler e aprecie uma boa obra literária, independentemente do género. Podemos dizer que os editores de livros são verdadeiros visionários e apreciadores de arte. Eles sabem reconhecer um bom livro, mas também sabem quais são as obras que vão ter sucesso com os leitores.

Quando pensamos na profissão de editor de livros, vem-nos à ideia uma pessoa séria, carrancuda, que vive solitária apenas com livros à sua volta. É quase como uma imagem de um tirano que tem a vida do escritor nas suas mãos.

No entanto, a realidade é bem diferente! Os editores vivem rodeados de pessoas. É um trabalho em equipa para levar aos leitores as melhores obras, mas também livros para todos os gostos. Então, não falamos só do gosto pessoal dos editores, mas daquilo que o público está à espera de ler.

Se és um apaixonado por literatura, se não vives sem livros, e se sentes que a tua missão é dar voz a novos escritores, então esta é a profissão certa para ti! Aqui vamos mostrar-te tudo o que precisas saber sobre esta profissão!

Curioso?

Vem connosco!

O que faz um Editor de Livros?

O editor de livros é a pessoa que escolhe os livros que vão ser publicados pela editora e ajudam os autores a fazer modificações no texto para que o resultado final seja o melhor possível.

Ao contrário do que muitos pensam, os editores não são “carrascos” que cortam páginas inteiras e modificam os textos como bem lhes apetece. Eles trabalham com os escritores para a obra final agradar tanto a um, quanto a outro.

Normalmente as editoras têm pessoas que só trabalham na pesquisa de livros internacionais para lançarem no mercado nacional. Cada editora tem um perfil, e é preciso que as obras escolhidas se enquadrem no catálogo oferecido.

Como deves calcular, os editores de livros não leem tudo aquilo que lhe mandam. A primeira parte do trabalho consiste em ler os resumos e selecionar aqueles que interessam. Depois de lido o resumo, o editor de livros solicita ao escritor o arquivo da obra integral para fazer uma avaliação.

Os livros nacionais, além deste procedimento, também podem chegar através dos agentes literários ou por indicação. É normal que os escritores recomendem outros autores para a editora. Sem dúvida, muitos escritores conseguem editar e publicar os seus livros por meio de recomendação.

No caso de livros de áreas específicas, é normal pedir-se apoio a pessoas especializadas da área em questão.

O editor, além de escolher a obras, também trabalha com os autores para melhorar a obra final. Ele dá sugestões para melhorar a história. Estas alterações podem ser simples, mas também mais complexas, mexendo nas personagens e no enredo.

Quais as suas funções

As funções do editor de livros passa pela escolha das obras a serem publicadas, mAs também pelo trabalho de edição das mesmas. Vejamos na prática como isso acontece.

Escolha dos livros:

  • Ler resumos
  • Selecionar os que interessam
  • Ler a obra na íntegra
  • Escolher as obras que vão ser publicadas

Edição dos livros:

  • Ler o livro
  • Fazer sugestões pontuais e/ou estruturais
  • Conversar com o autor para chegar a um acordo
  • Enviar para um preparador para ter uma outra avaliação
  • Fazer a revisão do livro

É claro que este processo engloba vários trabalhadores, como os revisores, por exemplo. No entanto, é o editor de livros que dá a palavra final. Ele é a pessoa que, em última instância, decide o trabalho de todos os trabalhadores envolvidos na edição.

Para ser um bom editor de livros é importante que consigas colocar-te no lugar do escritor. Tens de entender como o escritor quer contar e passar a história para, juntos, conseguirem um bom resultado. Ou seja, os editores de livros não podem modificar o livro como se fossem eles os escritores. As alterações têm de manter a personalidade do autor, a voz e a identidade do escritor.

Uma das principais preocupações com e edição de livros internacionais é a tradução. O tradutor tem de saber manter o tom do autor, para não perder a sua identidade e transmitir exatamente aquilo que ele quis dizer.

Saídas no Mercado de Trabalho

Como o próprio nome indica, o editor de livros trabalha em editoras. Poderás encontrar trabalho numa editora, ou então podes ousar e montar a tua própria editora. É claro que este não é um negócio fácil, até porque o hábito da leitura não está tão enraizado na sociedade como gostaríamos. No entanto, é possível seguir esta profissão com sucesso.

Como negócio, podes começar com uma editora pequena. Podes editar um ou outro livro de uma área específica que gostes e te sintas confortável em avaliar. Depois, com o tempo, podes alargar este campo e contratar outras pessoas para te ajudarem e trabalharem contigo.

Como entrar na carreira de Editor de Livros?

Para entrar na carreira de editor de livros é essencial saberes escrever bem. Isso não quer dizer que tens de saber escrever sem erros ortográficos. Quando falamos de saber escrever, estamos a falar em escrever com fluidez, de forma clara e cativante. Os erros são detetados pelos revisores. O teu papel é dar vida ao livro.

Por isso, um curso de escrita criativa, literatura, ou língua portuguesa podem ser uma grande vantagem para seres um bom editor. Além disso, hoje em dia encontras vários cursos de edição de livros que podem dar uma ajuda a integrares-te no mercado de trabalho. Vamos dar uma olhadela!

Onde estudar para Editor de Livros?

Portugal:

Brasil:

Gostas de ler? Não vives sem livros à tua volta? Então investe na tua carreira como editor de livros. Com toda a certeza vais alcançar o sucesso!

Partilhar Post

2 comentários em “Editor de Livros”

  1. O exercício de edição de livros é ingente, mas bastante recompensador, sobretudo, quando ajudamos no processo de melhoramento de um determinado enredo… geralmente, os escritores expressam especialmente atenção na ideia original e a sua linha de apresentação, portanto, alguns detalhes, como espaço físico ou psicológico, passam com algumas gralhas, aí o editor, ajuda a limar essas arestas. Ao fim de tudo, quando vemos o teor publicado, ninguém consegue explicar a sensação… é tão magnífico!
    João Angelino, escritor e editor

    1. Guia das Profissões

      Olá João.

      Agradecemos muito o testemunho. Gostamos sempre de conhecer as opiniões e expetativas dos nossos visitantes.

      Sem dúvida que deve ser entusiasmante e recompensador poder colaborar na Edição de Livros. É um trabalho essencial para o produto final que chega aos leitores.

      Desejamos que continue a ter o maior dos sucessos nas suas carreiras como Escritor e Editor.

      Obrigado e felicidades.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top