Engenheiro Mecânico

Engenheiro Mecânico

O engenheiro mecânico é o profissional formado em engenharia mecânica, uma ramificação da engenharia, onde a ciência dos materiais, assim como a física, são aplicadas para o desenvolvimento, análise e fabricação de sistemas mecânicos.  

Outros nomes para esta profissão:

  • Modalidades: Presencial
  • Ordenado Médio Mensal: 1500€ - 2000€
  • Empregabilidade: Alta
  • Empregabilidade: Trabalho em Equipa
  • Disciplinas do Secundário/ensino médio: Física, Matemática, Química
  • Idiomas: Inglês, Português

É, sem dúvida, um dos ramos da engenharia mais antigos, com vestígios nos primórdios das civilizações, o qual aparece de forma específica com a Revolução Industrial.

Com toda a certeza, este ramo da engenharia é de extrema relevância, tendo em conta a sua utilização e implicação no nosso dia a dia. 

Se quer saber mais sobre esta profissão, então continue neste artigo e descubra como é a rotina de um engenheiro mecânico, quais as funções que desempenha nas diferentes áreas de atuação, quais as saídas no mercado de trabalho, e como pode entrar nesta carreira. Confira!

O que faz um Engenheiro Mecânico?

O engenheiro mecânico tem campos de atuação vastos na indústria, mas não só.

Os engenheiros são responsáveis pelos projetos, assim como pelos respetivos desenvolvimentos de equipamentos, desde os mais simples instrumentos, ferramentas, aos mais elaborados e complexos sistemas mecânicos industriais.

Pode atuar na produção industrial, produção, mas também na aplicação de energia e automatismos.  

Este profissional também atua na análise, desenvolvimento, investigação, criação, supervisão, assim como na realização de testes. Por isso, no seu dia a dia, ele interage com diversos departamentos.

Quais as suas funções

O engenheiro mecânico desempenha diferentes funções no seu dia a dia, dependendo, assim, da sua área de atuação. Sendo assim, podemos aqui destacar algumas delas. Então vejamos!

  • Desenvolvimento de Projetos 
  • Fabrico 
  • Automatizações
    • Automação e Robótica 
  • Manutenção de Sistemas Mecânicos 
  • Eletromecânica (conceito globalizante de todas as funções do técnico superior) 

Em suma um engenheiro mecânico está presente em todos os tipos de produções industriais. 

Saídas no Mercado de Trabalho

Existe um sem número de saídas e de áreas diversificadas para o profissional formado em engenharia mecânica, pois a sua área de estudo é multidisciplinar. Sendo assim, destacamos:

  • Programação de equipamentos industriais 
  • Empresas de desenvolvimento de projetos robóticos
  • Empresas de tecnologias de informação
  • Indústrias de Transformação e Química
  • Empresas de energias renováveis 
  • Empresas de conceção de sistema de energias renováveis
  • Ensino 
  • Investigação 
  • Empresas de veículos Aéreos; Subaquáticos (submarinos) e Terrestres 

Devido à grande aplicabilidade deste curso, um engenheiro mecânico consegue trabalho em quase todas as áreas, dos projetos mais modestos às produções em larga escala.

Sendo assim, o engenheiro mecânico pode trabalhar em:

  • Indústrias 
    • Siderúrgicas e Metalúrgicas
    • Automóvel e Naval
    • Petroquímicas (especial ênfase no Brasil) 
    • Elétricas 
    • Eletrónicas 
    • Alimentar
    • Aeronáutica 
    • Civil 
    • Nanotecnologia 
  • Direção e Supervisão em todas as áreas técnicas 

Brasil:

No Brasil, há uma procura imediata para este ramo da engenharia, pois há uma grande carência de profissionais qualificados na área, muito aquém das necessidades do mercado de trabalho.

A concorrência das grandes indústrias, e não só, origina a necessidade de contratação de bons profissionais, sem dúvida. O seu empenho e dedicação poderá ser compensado com um bom contrato de trabalho e um salário elevado, com toda a certeza.

O avanço tecnológico é o motor de toda a sociedade, das antigas civilizações à nanotecnologia do século XXI, a engenharia mecânica teve, tem, e terá, sempre, um papel de extrema importância e fundamental. 

Aqui estão alguns exemplos de abrangências futuras para a engenharia mecânica no Brasil, e que facilmente se reflete no resto de planeta:

  • Manufatura Aditiva, Wearables de baixo custo, Gestão do ciclo de vida do produto / serviço, Automação industrial, Estruturas inteligentes, Novas energias, Inteligência artificial, Sensores inovadores, Logística flexível, Robótica avançada e transporte autônomo, Materiais avançados, bio/nanotecnologia, Monitoramento e otimização de tráfego de dados, Soluções de Economia Colaborativa  

Sendo assim, mostra-se uma excelente oportunidade para todos aqueles que estão pensando em seguir uma profissão, mas ainda não escolheram. Além disso, pode ser uma excelente oportunidade para aqueles que já atuam na área da mecânica e querem dar um salto na sua carreira.

Existe sempre a possibilidade de tirar uma especialização depois de entrar no mercado de trabalho, ou então pode ir trabalhando em diversos setores ao longo da sua carreira. A constante evolução como profissional originará um salário mais elevado.

Como entrar na carreira de Engenheiro Mecânico

Para ser engenheiro mecânico, tem, obrigatoriamente, de concluir o curso de engenharia mecânica de nível superior. O curso, em Portugal, tem uma duração mínima de 3 anos para licenciatura, mas para ter título de engenheiro necessita concluir o mestrado (mais dois anos de estudos).

No Brasil, para exercer a profissão de engenheiro mecânico, deve ter o diploma de bacharelado em engenharia mecânica, o qual tem duração média de 5 anos. 

Durante o curso, terá disciplinas em diferentes áreas, como, por exemplo:

  • Análise Matemática 
  • Física
  • Tecnologia Mecânica 
  • Mecânica aplicada 
  • Programação
  • Química e física 
  • Álgebra Linear
  • Resistência de materiais 
  • Termodinâmica
  • Sistemas aeronáuticos 
  • Robótica
  • Sistemas mecatrónicos
  • Inglês 
  • Desenho técnico 

Nos dois países, é obrigatório estar inscrito na Ordem dos Engenheiros, pois sem isso não pode exercer a sua profissão. 

Onde estudar Engenharia Mecânica

Portugal:

Brasil:

A perspicácia e o espírito lógico e dedutivo são as “skills” necessárias dum profissional bem-sucedido. Sem dúvida, estas características são essenciais se quer ter sucesso como engenheiro mecânico.

Os engenheiros mecânicos podem participar em projetos que desenvolvam soluções para problemas globais como, por exemplo, seca, fome, mudanças climáticas, entre outros. Este pode ser, sem dúvida, um impulsionador para aqueles que ainda estão na dúvida sobre a carreira a seguir. Saiba, desde já, que a engenharia mecânica tem, então, uma ação social e humanitária forte!

Se quer fazer a diferença no mundo do trabalho, então, ser engenheiro mecânico pode ser aquilo que estava à procura! Invista na sua formação e conhecimentos e rume para o sucesso, porque o futuro é brilhante!

Partilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima