Fadista

Fadista

Resumo da profissão

Modalidades:

Presencial, Ar Livre

Matérias relacionadas:

História da Cultura e das Artes Oficina de Artes Psicologia Sociologia

Idiomas:

Inglês, Português

O fadista, ou cantor de fado, é um artista que canta fado (estilo musical português no qual o cantor é, geralmente, acompanhado por guitarra clássica, chamada de viola fado no meio, e guitarra portuguesa).

O fado é, sem dúvida, o estilo musical português de excelência, traduzindo bem o “sentir português”, onde a saudade e a nostalgia estão bem presentes. Embora o fado tenha evoluído ao longo da história, a sua essência perdura.

Se gostas de cantar e o fado é um estilo musical que te agrada, então este artigo foi feito para ti. Aqui, vamos mostrar-te tudo sobre a profissão de fadista.

Vais descobrir, por exemplo, como é a rotina de trabalho, onde podes encontrar trabalho, entre outras informações úteis para transformares a tua paixão pelo fado numa bela carreira.

Vens connosco?

Fado

O fado é um estilo musical com origem em Portugal, embora não se saiba exatamente em que região e data surgiu. A partir do século XIX, o fado ganhou popularidade em Lisboa. Na época, o fado marinheiro era o mais popular, assim como as cantigas das fainas e as cantigas de levantar ferro. Foi a partir do fado marinheiro que os outros géneros do fado surgiram, entre eles o fado corrido e o fado da cotovia, por exemplo.

Com esta popularidade, surgiu a imagem do fadista, o qual tinha uma atitude pouco convencional e se destacava pelos seus trajes tão peculiares (na época, usava-se um boné de oleado ou um boné direito com fita preta, o qual formava um laço de lado, uma jaqueta com alamares ou uma jaqueta de ganga).

Durante a primeira metade do século XX, assistimos a uma grande evolução deste estilo musical. Sem dúvida, nesse período, o fado adquiriu muita riqueza e complexidade melódica e rítmica. A poesia invadiu o fado, com versos bem elaborados, uso de sextilhas, quintilhas e até decassílabos.

A rádio, o teatro e o cinema vieram trazer o fado para toda a população portuguesa e foram, com toda a certeza, os veículos responsáveis pela popularização deste estilo musical.

O fadista, como um artista, ou seja, como profissão, surge nas décadas de 30 e 40 do século XX (conhecida como a época de ouro do fado). O fado deixa as vielas e passa para grandes palcos e para as conhecidas casas de fado. A partir da segunda metade do século XX, o fado é levado para vários países ao redor do mundo, sendo que a fadista Amália Rodrigues foi, sem dúvida, a grande embaixadora deste estilo musical português.

Em 2011, o fado foi considerado Património Cultural e Imaterial da Humanidade pela UNESCO.

Fadistas portugueses mais conhecidos

A história é repleta de grandes nomes de cantores de fado em Portugal. Maria Severa Onofriana foi uma das primeiras fadistas a ter reconhecimento. Ela cantava nas ruas da Mouraria (era comum vê-la na rua do Capelão, por exemplo) e muitos temas abordavam o seu romance com o Conde de Vimioso.

Embora tenha caído em “esquecimento” a primeira fadista a levar o fado além-fronteiras foi Ercília Costa.

Mas foram várias as figuras que marcaram o fado na época de ouro, entre elas destacamos, por exemplo:

  • Alfredo Marceneiro
  • Hermínia Silva
  • Carlos Ramos
  • Maria Amélia Proença
  • Fernando Farinha
  • Maria Teresa de Noronha
  • Manuel de Almeida
  • Berta Cardoso

A grande responsável por tornar o fado o que é hoje foi, sem dúvida, Amália Rodrigues. Ela marcou o início do fado moderno e trouxe-nos a riqueza poética através do fado, com letras de poetas como, por exemplo:

  • Luís Vaz de Camões
  • Alexandre O’Neill
  • José Régio
  • José Carlos Ary dos Santos

Desde então, muitos outros fadistas seguiram os seus passos, como Maria da Fé, Carlos do Carmo, Dulce Pontes, Mariza, entre tantos outros.

João Braga marcou também uma posição forte no que respeita à renovação do fado em Portugal. Ele trouxe outros grandes poetas para o panorama musical, entre os quais se destacam, por exemplo, Fernando pessoa, Miguel Torga, Sophia de Mello Breyner, entre tantos outros.

Hoje, o fado ganhou um novo fôlego, com artistas a darem uma nova “roupagem” a este estilo musical. Entre eles, podemos destacar:

  • Ana Moura
  • Mafalda Arnauth
  • Mariza
  • Carminho
  • Cuca Roseta
  • Camané
  • Marco Oliveira

Os turistas que visitam Portugal encontram nos bairros da Mouraria, Madragoa, Alfama e Bairro Alto as famosas Casas de Fado, as quais mantêm o fado tradicional bem presente.

O que faz um Fadista?

O fadista canta fado de forma profissional. É um artista que dá voz a poemas sobre saudade, amor, ciúme, angústia e nostalgia, mas também sobre esperança, a vida quotidiana, entre tantos outros temas.

Geralmente acompanhado de uma viola fado (guitarra clássica) e de guitarra portuguesa, ele faz concertos em casas de fado, festas populares, salas de espetáculos, festivais, entre outros eventos.

Embora este artista possa apenas interpretar as canções compostas por outros, também pode fazer as suas próprias composições. Nesse caso, é fundamental dedicar-se ao estudo da teoria musical.

Quais as funções de um Fadista?

O fadista, como qualquer artista, tem como função realizar espetáculos, nos quais canta acompanhado dos guitarristas e outros músicos que possam estar envolvidos no projeto, como violinistas, violoncelistas, harpistas, violistas, contrabaixistas, pianistas, entre outros músicos de orquestra.

Para preparar um concerto, os fadistas têm de compor e gravar as suas próprias músicas (ou fazer adaptações de músicas de outros fadistas e cantores). Depois passam por um período de ensaios com os músicos (principalmente com os guitarristas).

É comum que estes cantores participem no desenvolvimento de todo o espetáculo, auxiliando e decidindo o desenho de luzes, de palco, definindo o alinhamento, entre outros detalhes importantes.

Quando alcançam um patamar importante no panorama musical, o fadista tem de dar entrevistas para diversos meios de comunicação e participar de programas de rádio e televisão.

Atualmente, com a importância crescente das redes sociais, é essencial que os artistas façam um bom marketing digital. Embora alguns optem por contratar um profissional especializado para esse efeito, a maior parte desenvolve esse trabalho por conta própria.

Saídas no Mercado de Trabalho

O fadista, enquanto artista e cantor de fado profissional, pode desenvolver a sua carreira em casas de fado, espaços comerciais onde se cante fado, ou pode trabalhar para pisar grandes palcos. Para realizar concertos em festas populares, festivais, coliseus e outras salas de espetáculo, precisa ter já uma carreira construída.

O fado é um nicho que se distingue dos outros cantores e, por isso, esta é uma carreira que se dedica em exclusivo aos espetáculos ao vivo.

Lê o nosso artigo sobre Cantor para entenderes quais as outras opções na área da música que podes ter!

Como entrar na carreira de Fadista?

Não precisas de fazer um curso na área da música para te tornares fadista. Sem dúvida, o mais importante é teres talento e “fado na voz”. No entanto, se a tua ideia é compores as tuas próprias canções e seres um conhecedor de música, aconselhamos-te a que frequentes um curso de Música.

Geralmente, os fadistas iniciam as suas carreiras em casas de fado e outros estabelecimentos comerciais onde o fado de faz presente. Sem dúvida, os bairros tradicionais lisboetas são uma grande porta de lançamento para novos artistas.

Portanto, se queres tornar-te um fadista, o nosso conselho é que procures oportunidades numa casa de fado num bairro tradicional lisboeta.

No Brasil, São Paulo é um dos grandes centros para quem quer fazer carreira no mundo do fado.

Onde estudar Canto?

Se queres investir numa carreira na área do fado e se queres evoluir como cantor, podes fazer um curso de canto. Aqui, deixamos-te algumas opções interessantes. Ora vê!

Portugal:

Brasil:

O teu sonho é ser fadista? Então trabalha, arrisca e dedica-te bastante. Com foco e determinação, vais conseguir tudo aquilo que desejas. Sucesso!

Partilhar Post

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Scroll to Top

A tua opinião conta para nós!

Participa no Inquérito de Satisfação do Guia das Profissões e ajuda-nos a melhorar. Responde agora e ganha o e-book “Como organizar o Seu Tempo?”

mulher apontando