Psiquiatra

Psiquiatra

O Psiquiatra é o médico especialista em cuidados mentais. Sendo assim, este profissional é formado em Medicina, tendo-se especializado posteriormente em Psiquiatria.

Outros nomes para esta profissão: Psiquiatria, Médico Psiquiatra

  • Modalidades: Presencial
  • Ordenado Médio Mensal: 2000€ - Máximo
  • Empregabilidade: Alta
  • Empregabilidade: Trabalho em Equipa
  • Disciplinas do Secundário/ensino médio: Biologia, Física, Matemática, Psicologia, Química
  • Idiomas: Inglês, Português

Nos últimos anos, a área da psiquiatria tem vindo a destacar-se, principalmente pelo aumento de pacientes com transtornos mentais. É este profissional que trata esses transtornos, garantindo uma maior qualidade de vida para os seus pacientes.

Se quer seguir a carreira de medicina, mas ainda não tem certeza da especialidade que vai tirar, descubra neste artigo o que faz um psiquiatra, quais as funções que desempenha, as saídas no mercado de trabalho e também o que precisa fazer para entrar nesta belíssima profissão. Confira!

O que faz um Psiquiatra?

Este profissional tem como principal objetivo diminuir os sintomas associados a transtornos mentais, para que os seus pacientes consigam ter uma melhor qualidade de vida, tanto no curto, como no médio prazo. Ele também é responsável por diagnosticar transtornos mentais e de comportamento e, sempre que possível, tratar esse transtorno por meio de medicamentos e terapia.

Além do tratamento, o psiquiatra atua na prevenção e na reabilitação dessas doenças mentais.

De entre os transtornos mais comuns, destacamos:

  • Depressão
  • Esquizofrenia
  • Transtorno Bipolar
  • Transtornos de ansiedade
  • Demência

Muitas pessoas confundem o psiquiatra com o psicólogo, por isso é importante deixar aqui clara essa distinção.

Ambos os profissionais cuidam e tratam condições mentais. No entanto, a abordagem de um e de outros são diferentes.

Antes de mais nada, os psiquiatras são médicos, e atuam como tal, fazendo o diagnóstico clínico e prescrevendo medicamentos que tratem a condição de que padecem, conjugados com terapia. 

Já o psicólogo, trata somente de transtornos psicológicos e não pode prescrever medicação. Estes ajudam os pacientes a evitarem situações que possam levar ao desencadear desses transtornos.

Sendo assim, o trabalho de um e de outro podem complementar-se. Enquanto um trata a condição, o outro encarrega-se de ajudar o paciente a conhecer a causa e ajudá-lo a evitar possíveis recaídas.

É possível, ainda, que os psiquiatras consigam especializar-se em determinadas áreas, como é o caso dos pedopsiquiatras, os quais se especializaram em tratamento de crianças e adolescentes, por exemplo, ou dos gerontopsiquiatras, os quais se especializaram no tratamento de idosos.

Outra subespecialidade, muito conhecida pelo público em geral por causa do cinema, é a psiquiatria forense, na qual o profissional trabalha com criminosos e que possam representar perigo para os outros.

Quais as suas funções

A principal função de um psiquiatra é aliviar o sofrimento dos pacientes com transtornos mentais e de comportamento, para que eles consigam ter uma melhor qualidade de vida, assim como um maior bem-estar psíquico.

Para poder alcançar esses objetivos, o profissional faz uma avaliação do paciente, sempre levando em consideração os aspetos biológicos, mas também psicológicos e de ordem cultural. 

Esta avaliação consiste num exame do estado mental do paciente, assim como uma avaliação da sua história clínica. É possível que o profissional peça que o paciente faça:

  • Testes neurológicos
  • Exames de Imagem
  • Exames psicológicos e neuropsicológicos

Depois de efetuado o diagnóstico, o profissional decide qual o melhor tratamento a fazer, usando medicação e, caso seja necessário, conciliando outras práticas interventivas, como a psicoterapia.

Em casos mais graves, especialmente quando o paciente se mostra em imenso sofrimento, podendo colocar a sua vida, assim como a dos que o rodeiam, em risco, o psiquiatra poderá, em conjunto com toda uma equipa de profissionais, determinar o seu internamento.

Saídas no Mercado de Trabalho

O Psiquiatra pode trabalhar em hospitais e clínicas privadas, mas a maioria consegue também obter rendimentos extras em consultas privadas, num consultório próprio.

Além disso, é possível também darem aulas no ensino universitário, ou como professores residentes, ou então como um part-time.

As vagas de emprego nesta área são muitas, assim como qualquer especialidade de medicina. Sem dúvida, medicina é um curso com 100% de empregabilidade, tanto em Portugal, como no Brasil. Isso faz com que os profissionais encontrem sempre uma vaga que se enquadre ao seu perfil.

Como entrar na carreira de Psiquiatra

Em Portugal, para exercer a profissão como psiquiatra, deverá concluir o curso de Medicina, o qual tem duração de 12 semestres (6 anos). O último ano inclui um estágio profissionalizante, durante o qual poderá passar por todas as especialidades. Depois tira a especialidade em Psiquiatria.

Sendo assim, os primeiros anos serão comuns a todos os médicos, com disciplinas de medicina geral, anatomia, química, e também disciplinas sobre todas as especialidades. 

Só posteriormente, durante a especialidade, o profissional poderá obter conhecimentos mais profundos sobre a psiquiatria.

Existe ainda a possibilidade de concluir apenas a licenciatura em Medicina (3 anos) e seguir para o mestrado em Psiquiatria e Saúde Mental.

No Brasil, deverá concluir a graduação em Medicina (6 anos), e fazer a residência médica em psiquiatria (3 anos).

Onde estudar Psiquiatria

Portugal:

Brasil:

Se quer seguir a carreira de psiquiatria, saiba que esta é promissora. Não só existem poucos profissionais na área, como existe, cada vez mais, pessoas que demonstram sofrer de algum tipo de transtorno mental, especialmente transtornos de ansiedade e depressão, muito causados pelo estilo de vida moderno.

Sendo assim, o psiquiatra é um profissional que, sem dúvida, mostra-se imprescindível, e cada vez mais, para o bem-estar individual, mas também para o bem-estar geral de toda a sociedade. Invista na sua carreira porque, com toda a certeza, vai encontrar o sucesso e fará a diferença na vida de muitas pessoas!

Partilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima