Realizador (Diretor de Cinema)

Realizador (Diretor de Cinema)

O realizador (Portugal), ou diretor de cinema (Brasil), podendo chamar-se de cineasta, é o profissional que cria as obras cinematográficas. É também ele que supervisiona as filmagens e dirige o elenco.

Outros nomes para esta profissão:

  • Modalidades: Presencial
  • Ordenado Médio Mensal: 1500€ - 2000€
  • Empregabilidade: Baixa
  • Empregabilidade: Trabalho em Equipa
  • Disciplinas do Secundário/ensino médio: Geometria Descritiva, História da Cultura e das Artes, Línguas, Literatura, Matemática, Oficina de Artes
  • Idiomas: Inglês, Português

Esta é uma profissão envolta num grande glamour, assim como a maioria das profissões artísticas. No entanto, a vida destes profissionais não é fácil. Além de muito trabalho, esforço e dedicação, são necessários anos de estudo e aperfeiçoamento.

Como se não bastasse, tanto em Portugal, como no Brasil, o cinema nacional não é muito valorizado, pois acabamos por consumir mais o cinema americano. Isto faz com que o trabalho do realizador, diretor de cinema, não tenha muitos apoios, o que leva a que muitos optem por trabalhar em outras coisas.

Mas se quer seguir esta profissão, então veja aqui o que faz o realizador no seu dia a dia, quais as funções que tem nas diferentes áreas de atuação, quais as saídas no mercado de trabalho, e o que tem de fazer para entrar nesta carreira da sétima arte. Confira!

O que faz um Realizador?

Um realizador cria as obras cinematográficas. É ele que escolhe os atores que fazem parte do elenco dos filmes, e é ele também que seleciona os profissionais que vão atuar como diretores de arte, fotografia, diretores de som, figurinistas, entre outros.

O cineasta faz, ainda, a proposta de direção. Sem dúvida, esse documento é essencial na produção de um filme, tendo em conta que é nele que constam todas as diretrizes para cada uma das áreas do filmes, como a montagem, a fotografia, o som, etc.

Além disso, ele cria a decupagem, um documento no qual tem a descrição de cada cena de forma detalhada, incluindo detalhes sobre iluminação, cenário, entre outros aspectos.

Já durante as filmagens, ele fica encarregue de dirigir as cenas, mas também encaminhar os atores na direção certa, mostrando-lhes como quer que seja o resultado final.

Quais as funções

Sem dúvida, o realizador é a peça máxima quando falamos da produção de um filme. Ele orienta todos os profissionais nas suas ações, pois é ele que define a orientação artística do filme como um todo e, para isso, precisa trabalhar em cada uma das partes.

É também responsabilidade do cineasta fazer uma análise do roteiro do filme e interpretá-lo, de forma a que se adeque à realização para o cinema.

O diretor de cinema é um orientador para os atores, não só no que diz respeito ao seu enquadramento e posição, como também à sua expressão dramática, indicando a carga emocional que devem dar à sua personagem.

Ele é um profissional multidisciplinar, tanto que trata de todos os pormenores do filme, como:

  • Seleção de cenários
  • Organização de cenários
  • Direção de sonoplastia
  • Direção da iluminação
  • Seleção da equipa técnica
  • Direção do enquadramento
  • Seleção do elenco
  • Escolha de figurinos
  • Seleção de locais e equipamentos
  • Supervisão de todos os preparativos relativos à produção
  • Direção da montagem
  • Escolha da trilha sonoro e musical do filme
  • Direção da dobragem (dublagem)
  • Acompanhamento da elaboração do trailer do filme

Saídas no Mercado de Trabalho

O realizador (diretor de cinema, ou cineasta) trabalha, principalmente, na indústria de cinema, podendo fazer curtas, médias e longas metragens, assim como documentários. No entanto, os realizadores podem atuar noutros setores, o que alarga as oportunidades de trabalho para aqueles que estudaram para esta profissão.

A televisão é, sem dúvida, uma das melhores oportunidades que estes profissionais têm para encontrarem um trabalho contínuo ou, pelo menos, com uma maior frequência. Muitos canais estão a contratar realizadores para fazerem a produção de novelas, programas de TV de vários géneros e formatos, documentários e, também, propagandas e publicidades.

Algumas plataformas de streaming também têm contratado cineastas, como é o caso na Netflix, por exemplo, que estão a fazer produções próprias.

Como entrar na carreira de Realizador

Tanto em Portugal, como no Brasil, para entrar na carreira de realizador deve concluir o curso de cinema. Em Portugal, tem de fazer a licenciatura em cinema e optar pelo ramo da realização. No Brasil, o curso é oferecido, na maioria das vezes, em grau de bacharelado, mas tem disponíveis cursos em modalidades presencial e à distância.

O curso de cinema dá-lhe uma formação muito boa em termos gerais, pois dá as ferramentas necessárias para trabalhar em produções de cinema de diferentes formatos.

Pode, ainda, fazer alguns cursos tecnológicos na área, os quais lhe dão a oportunidade de atuar na área, embora não lhe confiram conhecimentos tão alargados como o curso universitário.

O curso de produção audiovisual, por exemplo, dá conhecimentos técnicos e práticos aos estudantes sobre a produção e captação de imagens. Os estudantes também vão aprender a operar os equipamentos de vídeo e cinema. Além disso, adquire conhecimentos sobre como interpretar os roteiros e fazer a gestão dos setores técnicos da produção.

Onde estudar Cinema

Portugal:

Brasil:

O seu sonho sempre foi tornar-se um grande realizador (diretor de cinema) e fazer grandes produções para o cinema e televisão? Então não deixe de seguir os seus sonhos, pois vai valer a pena todo o esforço!

Partilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima