Responsável de Reinserção

Responsável de Reinserção

O responsável de reinserção ajuda na reintegração das pessoas que cometeram infrações na sociedade a vários níveis. Este profissional é essencial para ajudar a diminuir a reincidência de crimes que é, hoje, muito grande. 

Outros nomes para esta profissão:

  • Modalidades: Presencial
  • Ordenado Médio Mensal: 1000€ - 1500€
  • Empregabilidade: Média
  • Empregabilidade: Trabalho em Equipa
  • Disciplinas do Secundário/ensino médio: Direito, Filosofia, História, Psicologia, Sociologia
  • Idiomas: Inglês, Português

Apesar de não sabermos dados oficiais, no mundo estima-se que a taxa de reincidência está entre 75 e 80%. Isso quer dizer que ainda temos muito que investir no trabalho de reinserção social e é o responsável de reinserção que tem a maior responsabilidade de todas, até porque é ele que “está no terreno”. 

Como é óbvio, a integração na sociedade também depende dos próprios indivíduos. Eles têm de ter vontade de mudar de comportamentos. No entanto, se não houver estímulos e apoios não vão ter alternativas senão voltar ao crime. 

Não é um trabalho fácil, mas que pode fazer a diferença na vida destas pessoas. Os responsáveis de reinserção podem, sem dúvida, fazer com que estas pessoas consigam ter uma vida “normal”, com trabalho, uma via honesta e longe do crime, se essa for realmente a sua vontade.

É essa a beleza desta profissão. Conseguir dar uma oportunidade a estas pessoas é, sem dúvida, aquilo que te vai querer fazer trabalhar todos os dias. Claro que nem todos vão querer ajuda, mas outros vão agradecer-te para o resto da vida.

Se sentes vontade de ajudar os outros e que podes fazer a diferença no mundo, então esta pode ser uma boa profissão para ti. Sem dúvida, vais sentir-te uma pessoa muito realizada sempre que conseguires ajudar alguém a sair do mundo do crime.

É claro que vais ter dias maus, como em todas as profissões. Mas acredita que sentir que salvaste a vida de alguém é maior do que tudo!

Neste artigos vamos mostrar-te tudo o que precisas saber sobre esta carreira. Curioso?

Vem connosco! 

O que faz um Responsável de Reinserção?

O responsável de reinserção trabalha com “infratores” para ajudá-los a integrarem-se na sociedade depois de cumprida a sentença. O principal objetivo é fazer com que estas pessoas mudem as suas atitudes para estarem integrados na comunidade.

Embora os responsáveis de reinserção façam tudo ao seu alcance para alcançar os seus objetivos, o sucesso da reinserção depende de vários fatores. O que mais influencia no sucesso da integração destas pessoas na sociedade é a vontade delas de mudarem e a sua motivação. 

A família tem uma influência enorme no sucesso da reinserção social destas pessoas. No entanto, a maioria das pessoas encontra um contexto familiar instável e com deficiências nas suas dinâmicas, o que leva a uma  falta de competências sociais, as quais são essenciais para o sucesso. 

Sendo assim, temos de pensar nas pessoas com quem trabalhamos como alguém que, na verdade,  nunca esteve inserido na sociedade. Esta realidade torna o trabalho ainda mais difícil, tendo em conta que estas pessoas terão de aprender a viver em sociedade do zero. 

Os responsáveis de reinserção também trabalham com os diretores das prisões, aconselhando-os sobre as melhores condições que o preso deve ter enquanto estiver a cumprir a sua pena, assim como as condições ideais para ser libertado da prisão. Ele também aconselha o diretor sobre medidas de correção alternativas que possam beneficiar o resultado final. 

Em alguns casos, os técnicos responsáveis de reinserção também desenvolvem programas de intervenção e prevenção, os quais são desenvolvidos e adaptados às necessidades da comunidade. 

Quais as suas funções

A principal função do responsável de reinserção é garantir, ou, pelo menos, trabalhar no propósito de integrar infratores na comunidade. Ele segue as orientações dos seus dirigentes ou coordenadores superiores, sempre aplicando as normas e seguindo as instruções dadas.

Os responsáveis de reinserção também desempenham funções de apoio técnico, principalmente no que diz respeito à execução de decisões judiciais que impliquem penas alternativas à prisão.

No caso das  penas com vigilância eletrónica, ele é a pessoa que acompanha os jovens e adultos, quando é preciso, assim como faz a monitorização do sistema informático, alertas de deslocações e alarmes.

Ele também assegura a instalação dos equipamentos de vigilância eletrónica, e garante que estes estão em perfeito funcionamento. É também ele que procede à desinstalação dos equipamentos de vigilância eletrónica. 

Saídas no Mercado de Trabalho

O responsável de reinserção trabalha maioritariamente para o Estado, tanto em estabelecimentos prisionais, como em tribunais ou no próprio IEFP. 

Como a reinserção social ainda tem resultados deficientes,  tem havido uma necessidade de contratar profissionais qualificados e capazes de oferecer melhores ferramentas para evitar que os infratores voltem para a vida do crime. 

Sendo que o número de reincidências é muito elevado, o Estado tem mostrado particular preocupação nesta área. Na prática, isso leva a mais ofertas de emprego para estes profissionais, assim como melhores condições de trabalho e remuneração.

Como entrar na carreira de Responsável de Reinserção?

Para entrar na carreira do responsável de reinserção é preciso tirar a especialização em reinserção social. Esta especialização destina-se a pessoas que trabalham ou estudam nas áreas da psicologia, serviço social, criminologia, ou outras áreas que trabalhem com comportamentos desviantes,como, por exemplo, sociólogos, juristas, antropólogos ou animadores socioculturais.. 

Sendo assim, se estás agora a seguir os teus primeiros passos depois do ensino secundário, tens primeiro de tirar a tua licenciatura numa das áreas referidas anteriormente, e só depois seguir para a especialização.

No final da especialização, vais ser capaz de definir estratégias para a prevenção da criminalidade, mas também para a reinserção de transgressores. Vais também poder atuar na proteção e apoio a vítimas.

Vais ter conhecimentos para trabalhar na prevenção da criminalidade e delinquência juvenil, atuando tanto com os transgressores, como com as vítimas.

Onde estudar Reinserção Social?

Portugal:

Brasil:

O dia a dia deste trabalhador não é fácil. Tem de lidar com pessoas que cometeram todo o tipo de crimes, muitos deles violentos. Se alguns dos infratores, adultos ou jovens, têm vontade de mudar de vida, outros não. Nesse sentido, podes sentir muita alegria quando vês alguém a querer melhorar, mas também frustrado quando encontras pessoas que não te querem nem ouvir.

É mesmo uma missão de vida. Não são todas as pessoas que aguentam trabalhar assim. É preciso ter vontade, determinação e gostar daquilo que se faz. É certo que vai haver dias muito maus, em que vais ter vontade de atirar a toalha ao chão. Mas quando se gosta do que se faz, conseguimos dar a volta por cima.

E a verdade é que tu podes fazer a diferença na vida destas pessoas. Não todas, é certo, mas daquelas que estão dispostas a mudar. E a melhor sensação do mundo é conseguir mostrar a estas pessoas que a vida delas pode ser muito diferente, e para melhor!

Ser responsável de reinserção não é, com toda a certeza, uma tarefa fácil. No entanto, esta é uma profissão de grande importância para a sociedade em geral, fazendo a diferença principalmente na vida dos infratores. Se este é o teu sonho, então luta por ele! Sucesso! 

Partilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima