Soldador

Soldador

O soldador é o profissional que trabalha com solda e corte de metais, especialmente em indústrias de transformação, fabricação de estruturas metálicas, assim como na construção civil.

Outros nomes para esta profissão:

  • Modalidades: Presencial
  • Ordenado Médio Mensal: 1000€ - 1500€
  • Empregabilidade: Alta
  • Empregabilidade: Trabalho em Equipa
  • Disciplinas do Secundário/ensino médio: Física, Materiais e Tecnologias, Multimédia
  • Idiomas: Inglês, Português

Esta profissão passa por um desafio enorme, especialmente com o avanço da indústria 4.0. Tendo em conta que as fábricas estão a evoluir, e num futuro próximo muitas operações serão robotizadas em estações de trabalho, então é fundamental que estes profissionais se qualifiquem, cada vez mais, e que se adaptem a esta nova forma de trabalho.

Tal como outras profissões mais técnicas, existe falta de profissionais de soldadura. Isso quer dizer que consegue encontrar facilmente emprego, além de ser melhor remunerado do que outras profissões.

Há várias empresas de renome e associações industriais que organizam, regularmente, cursos de formação, com emprego garantido no fim. O que é uma mais-valia para quem procura uma solução que garanta trabalho e dinheiro a curto prazo.

É um trabalho que requer alguma minúcia e atenção ao detalhe, pelo que não será para todos. Mas se tem o que é preciso, descubra de seguida tudo o que precisa para ser soldador, quais as funções que terá de desempenhar, o onde pode trabalhar!

O que faz um Soldador?

Um soldador escolhe os processos, equipamentos e materiais de soldadura conforme as instruções técnicas recebidas, planeando (planejando) e executando o trabalho em conjuntos, estruturas e tubagens metálicas.

Tem de analisar e saber compreender documentação técnica, como desenhos, esboços e esquemas, para poder levar a cabo o seu trabalho. E é necessário que esteja apto a detetar imperfeições e erros de soldaduras para proceder à devida aplicação corretiva.

Também precisa de zelar pela manutenção e conservação dos equipamentos, consumíveis e ferramentas utilizados, assim como precisa dominar os conhecimentos em termos de segurança e higiene no trabalho para cumprir os requisitos da área de atividade onde trabalha.

Quais as suas funções

O soldador é um técnico que realiza todos os trabalhos associados à soldadura de materiais. Faz trabalhos de serralharia e de manutenção ou correção de equipamentos e componentes industriais.

Para efetuar a solda e corte dos compósitos e metais, o soldador usa diferentes processos, como o eletrodo revestido, oxigás, brasagem, arco submerso, entre outros.

Eles são responsáveis por preparar as peças para a soldagem. Para isso, eles precisam saber interpretar os desenhos das peças, assim como entender todas as especificações. De acordo com esses aspectos, ele escolhe as melhores ferramentas e materiais a serem usados.

Durante a soldadura, é importante que eles consigam proteger-se a si mesmos, assim como o local onde estão a trabalhar.

Este profissional também presta assistência técnica, esclarecendo eventuais dúvidas sobre processos de soldadura e sobre as melhores soluções a adotar no âmbito do trabalho em causa.

Saídas no Mercado de Trabalho

Existe uma grande procura de soldadores, tanto em Portugal, como no Brasil. Sem dúvida, esta é uma das profissões que tem uma carência muito grande de profissionais, o que permite que consiga emprego facilmente, além de uma boa remuneração e possibilidade de crescimento na carreira.

A indústria é aquela que mais procura estes profissionais em Portugal, e a tendência é que esta procura aumente mais nos próximos tempos. Com a indústria 4.0, como já referimos, será necessário que o soldador tenha os conhecimentos necessários para adequar o seu trabalho esta nova forma de produção.

No Brasil, a região sudeste é aquela que mais precisa de soldadores. No entanto, é possível encontrar facilmente emprego em obras de grande porte, como estaleiros, refinarias, hidrelétricas e oleodutos, por exemplo. As indústrias também têm uma demanda grande de soldadores, as quais estão espalhadas por todo o país.

Nos últimos tempos, existe uma tendência crescente de trabalho em outros países, como Japão, Estados Unidos, Canadá e na Europa. No entanto, para trabalhar no exterior, deverá ter uma alta especialização.

Como entrar na carreira de Soldador

Com o avanço da indústria 4.0, a soldadura tem se transformado, deixando de ser um trabalho considerado sujo, visto que a robotização das indústrias veio “limpar” este setor.

Esta evolução vem beneficiar vários setores, como a metalomecânica, aeronáutica, arquitetura, entre outras, o que significa que os soldadores terão a possibilidade de evoluírem na sua carreira mediante uma formação e certificação Europeia.

A The European Federation for Welding, Joining and Cutting está focada em formar soldadores para esta nova indústria que vai “invadir” o país com toda a força no futuro breve.

Tendo em conta que a soldadura é um processo considerado especial, é importante que os profissionais que executem este trabalho tenham os conhecimentos adequados, assim como habilidade na soldadura.

Por isso, em Portugal, é exigida a certificação de soldadores/operadores de soldadura. Estas certificações têm de corresponder as normas internacionais, assim como aos códigos de construção e especificações de determinadas áreas de atuação.

É importante que os profissionais tenham um certificado reconhecido no espaço europeu, especialmente quando não fecham portas para um trabalho no estrangeiro.

Para conseguir a certificação, fará um exame no qual se avalia a habilidade na soldadura do corpo-de-prova, fazem-se ensaios não destrutivos, destrutivos, assim como uma inspeção visual. 

No Brasil, as empresas exigem que o soldador tenha uma Certificação Técnica de Soldagem.

Se está no ensino médio, poderá optar por um curso de aprendizagem industrial, o qual tem duração de 800 horas. No entanto, no final desta formação fica somente apto para ser meio oficial soldador.

Para ser considerado soldador, deverá concluir o ensino médio e fazer uma Formação de Técnico em Soldagem, a qual tem duração de 1200 horas.

Onde estudar para Soldador

Portugal:

Brasil:

Se quer uma profissão de futuro, que ofereça boas perspectivas de emprego e salário, então a escolha para soldador é excelente! Não tenha receio e siga em frente! Ao sucesso!

Partilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima