Técnico de Mixagens

técnico de mixagens

Mais sobre a profissão

Modalidades:

Teletrabalho, Presencial

Matérias relacionadas:

Física Matemática Materiais e Tecnologias Multimédia Oficina de Artes

Idiomas:

Inglês, Português

O técnico de mixagens, ou técnico operador de mixagens, transforma as várias pistas sonoras de uma produção numa única pista. No entanto, ele também trabalha na equalização sonora para que a pista conseguida soe da melhor forma possível.

O trabalho no mundo dos audiovisuais é muito complexo e envolve uma série de profissionais com funções diferentes. Embora associemos o mundo das artes e dos espetáculos a artistas, ou seja, às pessoas que ficam no palco ou à frente das câmaras, a verdade é que existem muitos outros por “trás dos panos”.

Estes não deixam de ser, também, artistas, pois acabam por dar o seu contributo para o espetáculo. No caso da mixagem, podemos dizer que se trata mesmo de um artista, pois é capaz de otimizar as gravações de áudio e fazer ajustes sonoros perfeitos.

Se tens “bom ouvido”, se a área do som sempre te interessou, então estás no sítio certo! Neste artigo vamos dar-te a conhecer a profissão de técnico de mixagens.

Queres saber mais? Então vem connosco!

O que faz um Técnico de Mixagens?

O técnico de mixagens faz a equalização sonora e depois transforma as várias pistas sonoras numa única pista. Este é um trabalho muito importante para a qualidade final de uma produção audiovisual.

Como sabemos, o som é um dos aspetos mais relevantes quando assistimos a um filme, vídeo, ou qualquer outra produção audiovisual.

Se não conseguirmos perceber o que está a ser dito, ou se uma música se sobrepõe ao que está a ser dito, ou até mesmo se não existe um equilíbrio entre vozes e som ambiente, a nossa experiência enquanto público não será boa.

Para que isso não aconteça, o técnico de mixagem trabalha na equalização de todas as pistas sonoras de uma produção audiovisual. O objetivo é tornar o áudio equilibrado e consistente com o que estamos a ver.

Este não é um trabalho fácil, até porque precisamos ter muita atenção e focar nos detalhes. Ter um ouvido “treinado” é essencial para termos um bom resultado, o que se consegue, principalmente, com a experiência.

O que é Equalização?

A equalização é a técnica usada para equilibrar os sons, podendo ser som de um instrumento musical, voz, som ambiente, entre outros. O objetivo da equalização é encontrar um equilíbrio tonal, tornar o áudio limpo e coerente com o que desejamos.

Para conseguirmos chegar a esse equilíbrio, devemos ter em consideração os vários elementos do som, mas também a acústica do ambiente.

Atualmente, este processo é feito a partir de um software de computador próprio, que acaba por facilitar um pouco a vida do técnico de mixagens.

Com estes softwares, é possível tirar ou dar foco a um determinado som/instrumento, realçar alguns elementos importantes, ajustar os volumes, reparar gravações de má qualidade, entre outras coisas.

Descobre outras profissões interessantes para ti ao usar o nosso Simulador!

Quais as suas funções

A função do técnico de mixagens é fazer uma equalização sonora do áudio e transformar as diferentes pistas gravadas numa só. Este é um trabalho que deve ser pensado por toda a equipa de som, pois muito do trabalho de equalização é “poupado” se houver um trabalho correto por parte de microfonistas, técnicos de som e operadores de som, por exemplo.

O posicionamento dos microfones é um elemento-chave para a qualidade sonora. Sem dúvida, quando posicionamos os microfones da maneira correta, o trabalho de equalização torna-se muito mais simples.

Durante a equalização, o técnico deve trabalhar com as pistas todas abertas. Existe a tentação de trabalhar pista por pista, isolada. No entanto, a ideia da equalização é conseguir um equilíbrio entre as pistas. Portanto, devemos trabalhar com o conjunto das pistas e ir fazendo os ajustes necessários para que o resultado seja o desejado.

Em alguns casos, por muito que se queira, não conseguimos fazer com que um elemento soe bem. Nesse caso, o que devemos fazer é silenciar esse elemento (mute) e perceber se realmente o resultado fica melhor. Se sim, devemos avaliar o arranjo e perceber de que forma podemos incluir esse, ou outro, elemento.

No fim do trabalho de equalização e mixagem, cada elemento do áudio deve ter o seu espaço. Eles devem estar em perfeita comunhão e em sintonia com as imagens (sentimentos que queremos passar).

Depois que a mixagem e equalização estão feitas, reunimos numa única pista, todas as pistas sonoras.

Saídas no Mercado de Trabalho

O mercado de trabalho em audiovisuais não é muito bom. As oportunidades de trabalho não são tantas quanto aquelas que gostaríamos, principalmente quando falamos de cinema.

No entanto, se esse é o teu sonho, vai à luta! Existe sempre espaço para profissionais qualificados e com vontade de aprender e evoluir na carreira. É importante não baixar os braços logo nas primeiras tentativas. É normal ouvir muitos nãos antes de conseguirmos uma hipótese de mostrar o nosso valor.

Um aspeto que devemos referir aqui é que o trabalho como técnico de mixagens costuma ser freelancer, ou seja, vais trabalhar como profissional autónomo. Isso quer dizer que não terás um trabalho fixo, com um salário certo. Haverá alturas em que vais ter muito trabalho, mas terás tempos mais difíceis.

Saber gerir o dinheiro é essencial para estes profissionais. Amealhar quando temos mais trabalho e gastar com consciência ao longo dos meses é fundamental para conseguirmos viver desta profissão.

Embora o foco desta profissão seja o audiovisual, poderás aturar noutras áreas, como a música, por exemplo, na equalização e masterização de CDs, por exemplo. Desta forma, consegues abrir o leque de oportunidades de trabalho.

Ainda não tens certeza se esta é a melhor profissão para ti? Então faz os nossos Testes Vocacionais!

Como entrar na carreira de Técnico de Mixagens?

Para seguires a profissão de técnico de mixagens, o ideal é que tenhas um curso na área do som. É verdade que existem muitas pessoas a trabalhar na área sem uma formação. No entanto, o que vemos atualmente é a uma procura por pessoas mais qualificadas.

Por isso, se queres entrar na carreira com o pé direito, não deixes de procurar um bom curso de som/áudio. Além dos conhecimentos técnicos, vais conhecer muitas pessoas do meio, o que te irá ajudar a entrar no mercado de trabalho.

A área da cultura e das artes funciona muito à base das indicações e recomendações. Não é difícil perceber porquê. Não há tempo a perder com a avaliação de um profissional. O trabalho tem prazos apertados e não se pode estar a trocar de profissionais a toda a hora até encontrarmos o melhor.

Por isso, é comum pedir-se uma indicação a alguém em quem confiamos ou que trabalho no meio. É mais uma garantia de que aquele profissional é bom e vai fazer um bom trabalho.

Portanto, não deixes de trabalhar a tua rede de contactos (vai fazer toda a diferença ao longo da tua carreira).

Onde estudar para Técnico de Mixagens?

Para te ajudarmos, reunimos aqui alguns cursos na área do som e áudio que te podem interessar. Existem cursos técnicos (profissionais), mas também cursos superiores (universitários).

Dá uma vista de olhos!

Portugal:

Brasil:

Se queres tornar-te um bom técnico de mixagens, então não deixes de investir na tua formação. Pode ser um caminho mais longo, mas vai valer a pena todo o esforço. Sucesso!

Partilhar Post

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top