Vocal Coach Bilingue

vocal coach bilingue

Mais sobre a profissão

Modalidades:

Teletrabalho, Presencial

Matérias relacionadas:

Línguas Literatura Oficina de Artes

Idiomas:

Alemão, Árabe, Criolo, Espanhol, Francês, Inglês, Japonês, Mandarim, Português, Russo

O vocal coach bilingue é o profissional que ajuda os artistas a cantarem músicas num outro idioma, que não o seu (não-nativo). Este profissional não está tão focado em dar aulas de canto, mas antes em ajudar os cantores a interpretarem a música noutro idioma.

Embora não seja uma profissão muito conhecida, ela é muito importante para os artistas que pensam em tornar as suas carreiras internacionais.

Quando cantamos na língua nativa, conseguimos chegar “mais perto” das pessoas. Por isso, muitos artistas têm optado por gravar as suas músicas com letras noutros idiomas.

Mas, para que esse trabalho seja feito, é preciso ter alguém que oriente os cantores, não só na tradução das letras, como na articulação e pronunciação das palavras da forma correta.

Se esse é um trabalho que te agrada, então estás no sítio certo. Aqui, vais descobrir, por exemplo, o que faz um vocal coach bilingue, como é o seu trabalho, as possíveis saídas no mercado de trabalho, entre outras informações importantes para entrares nesta carreira com o pé direito.

Vens connosco?

O que faz um Vocal Coach Bilingue?

O vocal coach bilingue ajuda os artistas a cantarem músicas num idioma não-nativo. O trabalho consiste em ajudar na tradução das letras, na pronunciação e na articulação correta das palavras.

Portanto, este vocal coach tem de dominar dois, ou mais, idiomas, para ajudar os cantores a adaptarem os seus temas para outras línguas, mas também para ensiná-los a pronunciar e articular cada uma das palavras.

Este é um processo muito importante, principalmente quando falamos da implementação de uma carreira artística em países estrangeiros.

Afinal, se queremos ser recebidos como “um de nós”, não podemos cometer um erro a pronunciar uma palavra (até porque podemos estar a dizer uma coisa completamente diferente daquela que desejamos).

Sendo assim, este profissional mostra-se essencial para o sucesso de uma carreira internacional.

Ainda não sabes se esta é a melhor profissão para ti? Então usa o nosso Simulador e faz os nossos Testes!

Quais as suas funções

O vocal coach bilingue tem como função ajudar os artistas no processo de tradução das letras das suas músicas, mas também ajudá-los na articulação e pronunciação das palavras.

O seu trabalho resume-se a fazer com que os artistas se sintam confortáveis a cantar num idioma que não é o seu. Como dissemos, o foco não está em dar aulas de canto (ao contrário de um vocal coach, ou professor de canto).

Para desempenharem estas funções, os vocal coachs bilingues têm de dominar os idiomas com os quais trabalham. É necessário que sejam fluentes, para que consigam ajudar os artistas de forma completa, não só na adaptação das letras, como na articulação e pronunciação correta das palavras.

Conhece também a profissão de Professor de Música

Saídas no Mercado de Trabalho

O vocal coach bilingue trabalha com artistas que procuram alargar horizontes e tornar as suas carreiras internacionais, ao lançarem músicas noutros idiomas. Embora muitos artistas procurem levar as suas músicas para outros países, a maior parte não faz a adaptação do idioma.

Sendo assim, as oportunidades de trabalho não são muitas. Geralmente, são os artistas mais conhecidos e famosos que contratam estes serviços. Como estes são uma minoria no meio, não encontras um mercado de trabalho com muita procura.

Atuando nesta profissão, atuas como um profissional freelancer. Os artistas contratam-te temporariamente, para um projeto. Poderás, no entanto, encontrar um trabalho com contrato numa editora, por exemplo, que trabalhe com vários artistas e que esteja voltada para o trabalho de adaptação das letras para outros idiomas.

Como entrar na carreira de Vocal Coach Bilingue?

Para te tornares vocal coach bilingue, tens de dominar dois, ou mais idiomas. Tens de ser fluente nas línguas com que vais trabalhar. Não precisas ter um curso superior em Línguas, mas é importante que sejas fluente.

Por isso, no mínimo, deverás frequentar um curso técnico da língua com que queres trabalhar (como o curso de inglês do Wall Street Institute, por exemplo).

Se tiveres oportunidade, aconselhamos-te a que permaneças no país de origem do idioma que estás a aprender por alguns meses. Dessa forma, consegues aperfeiçoar-te e adquirir vocabulário essencial.

Como falamos de trabalho com cantores, se tiveres formação como vocal coach é uma mais-valia. Além de ajudares na adaptação das letras e na pronunciação das palavras, também podes ajudar na performance vocal dos artistas.

Onde estudar para Vocal Coach Bilingue?

Como dissemos, um curso superior em Línguas não é exigência para te tornares vocal coach bilingue. No entanto, tens de ser fluente nos idiomas com os quais pretendes trabalhar. Nesse sentido, reunimos aqui algumas formações que te podem interessar.

Portugal:

Brasil:

Gostavas de te tornar um vocal coach bilingue de referência no mercado? Então investe na tua formação, pois fará toda a diferença no teu futuro profissional. Nós, do Guia das Profissões, desejamos-te muito sucesso.

Partilhar Post

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top