Cientista de Dados / Data Scientist

Cientista de Dados - Data Scientist

Mais sobre a profissão

Modalidades:

Teletrabalho, Presencial

Matérias relacionadas:

Informática Matemática

Idiomas:

Inglês, Português

O Cientista de Dados, ou Data Scientist, é o profissional que recolhe, analisa e comunica toneladas de dados que são recolhidos nas mais diversas atividades. É uma profissão de futuro, mas que já é essencial no presente.

Os dados são o “petróleo” do Século XXI. Esta é uma frase que muitos especialistas insistem em sublinhar de forma repetida. Na verdade, todas as atividades sociais e económicas geram dados que podem ser aproveitados das mais diversas formas.

No E-commerce ou no Marketing, por exemplo, os dados são fundamentais para definir estratégias de ação.

Mas até no desporto, a nível do Scout de futebol, podem dar informações valiosas para tomar decisões. E até no Jornalismo de Dados podem ser fundamentais para produzir notícias.

Portanto, neste cenário que tem os dados como núcleo basilar, o Data Scientist é “rei”. Assim, a profissão de Cientista de Dados está em alta, mas vai assumir ainda mais importância nos próximos anos.

Fica connosco para saber tudo desta área!

O que faz um Cientista de Dados

O trabalho do Cientista de Dados é analisar e interpretar os dados recolhidos pelas organizações ou empresas, por exemplo, sobre o comportamento dos clientes e dos colaboradores. Desse modo, ajuda à tomada de decisões estratégicas.

Este profissional terá, portanto, que agregar os dados de forma compreensível para que transmitam informações valiosas.

Assim, será possível antecipar-se à concorrência, resolver problemas de satisfação do cliente ou lançar novos produtos, bem como tantas outras vantagens de negócio.

O Cientista de Dados reúne competências de Matemática, Engenharia Informática e Tecnologias de Informação para coletar dados não estruturados, geri-los e apresentá-los em formatos fáceis de entender.

A sua missão é fazer com que os dados falem por si, tornando os seus padrões acessíveis às pessoas que os vão ler.

No seu dia a dia, lida com conceitos como Big Data, Data Mining e Machine Learning. Mas também precisa de dominar técnicas de inteligência artificial e de Business Intelligence, ou seja, inteligência de negócios.

Diferença entre Cientista de Dados e Analista de Dados

A Ciência de Dados, ou Data Science, pode ter várias vertentes e, por isso, é preciso fazer a distinção entre o Cientista de Dados e o Analista de Dados.

Podemos dizer que o Analista de Dados tem uma função mais técnica, pois reúne, organiza e interpreta dados estatísticos para retirar conclusões, recorrendo a softwares específicos para o efeito.

Portanto, não precisa de ter conhecimentos tão sólidos de Software. Assim, é o patamar inicial no âmbito da Ciência de Dados.

Já um Cientista de Dados desempenha funções semelhantes ao Analista de Dados, mas tem conhecimentos mais sólidos de Computação e também de Estatística.

Neste sentido, é uma função mais abrangente que pode passar por criar bases de dados para gerar mapeamentos. Mas também envolve a infraestrutura e o aprendizado das máquinas para tratar os dados com vista à tomada de decisões.

Quais as suas funções

A principal função de um Cientista de Dados é desenvolver modelos estatísticos e sistemas de processamento de dados. Portanto, tem de dominar conhecimentos de diversas áreas dentro do âmbito das Tecnologias de Informação, mas também da Computação.

Portanto, é em parte Matemático e em parte Cientista, pois além da análise pura de dados, também tem de ver para lá deles. Assim, uma parte do seu trabalho passa por procurar soluções criativas para resolver problemas.

Algumas das funções habituais de um Cientista de Dados são as seguintes:

  • Recolher e transformar grandes quantidades de dados em formatos acessíveis
  • Detetar padrões nos dados e identificar tendências.
  • Resolver problemas com base nos dados
  • Dominar conceitos de Estatística
  • Conhecer várias linguagens de programação (por exemplo, SAS e Python)
  • Saber de machine learning, deep learning e análise de texto.

Neste processo, o Data Scientist precisa de ter uma grande capacidade crítica e de análise. Mas também deve ter boas competências de comunicação, pois trabalha diretamente com os responsáveis de Gestão.

Quanto ganha um Data Scientist

A Ciência de Dados é uma área promissora e que tem cada vez mais importância no mundo dos negócios. Além disso, é uma área muito técnica que exige conhecimentos importantes de software e de Computação em geral.

Portanto, os ordenados neste campo são interessantes e podem atingir valores acima da média. Mas também dependem do setor de atividade, bem como da experiência e do grau de especialização do Data Scientist.

Neste âmbito, os profissionais podem começar com o estatuto de Júnior ou até estagiário. Depois, conforme vão demonstrando capacidades, vão subindo degraus, o que também se reflete nos seus salários.

Assim, o importante é pensares na tua capacitação e em fazeres um bom trabalho – a recompensa virá com a qualidade que demonstrares.

Saídas no Mercado de Trabalho

A profissão de Cientista de Dados é considerada promissora, pois espera-se que venha a gerar grandes oportunidades num futuro próximo.

Mas já no presente a Ciência de Dados é usada de forma regular e decisiva em vários setores, como, por exemplo, o Financeiro, o Tecnológico e o de Retalho ou Varejo.

Assim, Data Scientist são cada vez mais procurados por todo o tipo de empresas. Contudo, ainda há poucos profissionais nesta área.

Deste modo, a procura é maior do que a oferta, o que é um bom indicador para quem quer fazer carreira nesta profissão.

Porém, existe também algum desconhecimento das vantagens de ter este tipo de profissionais, o que leva a que nem todas as empresas estejam ainda recetivas a contratar Cientistas de Dados. Mas é uma profissão de futuro!

Como entrar na carreira de Cientista de Dados

O caminho mais evidente para ser Data Scientist passa pela graduação em Ciência de Dados. Mas a formação em áreas como Computação, Matemática ou Física também é uma boa aposta.

Contudo, há Cientistas de Dados que vieram das áreas da Administração e da Economia. Até um Astrofísico pode abraçar a Ciência dos Dados.

O que importa é procurar complementar a formação de base com especializações na área ou em Data Analytics.

Mas claro que será mais fácil entrar na profissão tendo formações na área das Ciências Exatas. Nas Ciências Sociais, há uma maior aversão a números e será mais complicado, mas, ainda assim, não é impossível. Basta muito empenho e uma boa formação.

A maioria dos Data Scientists têm experiências com Estatística e Análise de Dados, além de habilidade com computação e com números.

O que é preciso para ser Cientista de Dados

Há alguns aspetos que é preciso cumprir para conseguir ter sucesso na Ciência de Dados, tais como:

  • Saber gerir dados estruturados
  • Dominar conceitos de Matemática
  • Perceber de data mining e machine learning
  • Saber linguagens de programação (por exemplo, SAS, Python, Java e Perl)
  • Conhecer técnicas de visualização de dados
  • Perceber de bancos de dados (por exemplo, MySQL e Postgres)
  • Entender de modelos estatísticos
  • Boas qualidades de comunicação.

Onde estudar Ciência de Dados

Como já vimos, há vários caminhos possíveis para chegar a Cientista de Dados, mas começar por uma graduação em Ciência de Dados é sempre uma boa ideia. Assim, podes procurar esta formação na modalidade de tecnólogo ou como Licenciatura com cursos de dois a três anos.

Mas também há pós-graduações ou mestrados em Ciência de Dados que são ótimos para complementar formações de base diversas.

Na grade curricular destas formações, podes esperar encontrar temáticas como, por exemplo, Estatística, Matemática, Big Data, linguagens de programação, deep learning, machine learning e conversão de dados, entre outras.

Vamos ajudar-te com algumas sugestões que te podem ajudar a iniciar a tua busca…

Portugal:

Brasil:

Já percebeste que a Ciência de Dados é uma profissão de futuro. Mas achas que tens o que é preciso para ser Cientista de Dados? Se acreditas que a tua felicidade passa por ser Data Scientist, segue em frente. Prepara-te bem e avança com confiança. Torcemos pelo teu sucesso.

Entretanto, se ainda tens dúvidas, aproveita para fazer os nossos Testes Vocacionais. Vais encontrar profissões alternativas e ideais para o teu perfil!

Partilhar Post

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top