Mecânico

Mecânico

Um mecânico lida diariamente com automóveis e outros veículos de mercadorias, de transporte de passageiros e/ou maquinaria utilizado para diversos trabalhos. Assim, é uma boa profissão para quem gosta de resolver problemas. Mas exige uma grande dose de paciência!

Outros nomes para esta profissão:

  • Modalidades: Presencial
  • Ordenado Médio Mensal: Mínimo - 1000€
  • Empregabilidade: Média
  • Empregabilidade: Trabalho Solitário, Trabalho em Equipa
  • Disciplinas do Secundário/ensino médio: Física, Geometria Descritiva, Informática, Matemática, Materiais e Tecnologias
  • Idiomas: Inglês, Português

Quando os carros são tão essenciais para a vida das pessoas como acontece atualmente, há sempre riscos de ter problemas mecânicos na estrada. É, então, que conhecer um bom mecânico dá sempre jeito!

Ora, os bons mecânicos nem sempre abundam. Pelo que investir nesta área pode ser uma ótima opção para quem é bom de mãos e tem queda para resolver problemas.

O que é preciso para ser mecânico

Se tem jeito com motores e gosta de montar e desmontar coisas, pode ser este o seu caminho. Mas saiba que os melhores mecânicos têm experiência acima da média ou uma boa formação, além de três características essenciais que descrevemos já de seguida:

  • Boa preparação física, já que terá de assumir posições que mexem com muitos músculos e que exigem agilidade e boa resistência;
  • Capacidade de desenrascar soluções para resolver problemas impossíveis – é mais ou menos como ser um MacGyver!
  • Estar preparado/a para a sujidade – saiba que, por mais cuidados que tenha, vai-se sujar!

Perceba melhor o que implica abraçar a carreira de mecânico com as dicas que vamos dar-lhe de seguida….

Quanto ganha um mecânico

Os mecânicos podem ganhar mais ou menos, conforme a forma como exercem a profissão. Portanto, os seus ordenados não são fixos.

Por um lado, um mecânico pode trabalhar por conta própria, tendo a sua oficina e retirando para si todos os ganhos do negócio. Mas também pode exercer a atividade como um hobby ou em part-time, ou ainda pode trabalhar numa oficina ou numa empresa de reparação automóvel.

Assim, o seu salário vai variar muito. Além disso, nas empresas/oficinas, o seu trabalho poderá ser compensado em função da produtividade, da assiduidade ou do cumprimento de objetivos.

Mas, em termos médios, o salário de um trabalhador que faz mecânica a tempo inteiro ronda os 800 euros por mês.

O que faz um mecânico

Um mecânico de automóveis não se limita a reparar e consertar veículos. Mas também precisa de saber diagnosticar problemas ou eventuais falhas. Além disso, terá ainda de supervisionar e zelar pela manutenção de viaturas.

Assim, o seu papel passa muito por prolongar a vida de um carro. Contudo, sem esquecer a importância de garantir a segurança do seu condutor e ocupantes.

Como é o dia-a-dia de um mecânico

O trabalho de um mecânico funciona, geralmente, por marcações, embora possa ter que atender casos urgentes relacionados com avarias. Habitualmente, os clientes deixam os seus veículos, apresentam o problema ou o tipo de serviço que desejam, e depois esperam pela entrega das viaturas dentro do período estipulado.

Deste modo, pode ver que os mecânicos lidam diariamente com a pressão de terem que cumprir e respeitar metas e timings precisos.

Todavia, na atualidade, a exigência destes profissionais é maior, uma vez que precisam de ter conhecimentos de computação e de tecnologia que são, cada vez mais, utilizadas no mercado automobilístico.

Venha daí conhecer em detalhe quais são as principais funções de um mecânico…

Quais as suas funções

O mecânico tem como funções a manutenção de veículos e de todas as suas componentes, por exemplo, o motor, os freios, a embraiagem, os sistemas de amortecimento, entre outros.

Pode ter de zelar por automóveis, camiões, camionetas, motocicletas ou outros equipamentos com motor. Contudo, não terá apenas de lidar com os aspetos mecânicos das viaturas e terá que ser polivalente.

O seu trabalho passa ainda por funções que vamos apontar já de seguida, a título de exemplos:

  • Mudar o óleo e filtros
  • Endireitar um para-choques
  • Montar e desmontar veículos
  • Substituir e reparar peças
  • Ajustar e lubrificar o motor
  • Cuidar da parte elétrica e/ou eletrónica dos equipamentos
  • Serviços de pintura e chapeiro
  • Trabalhos de limpeza
  • Instalação de equipamentos como alarmes.

Pode ainda ser mecânico industrial, realizando a reparação e a manutenção de máquinas e equipamentos, com vista a resolver e a prevenir eventuais falhas.

Se tiver qualificações superiores, pode trabalhar na área da produção e da engenharia em indústrias e fábricas, por exemplo, nas grandes empresas que fabricam veículos.

Saídas no Mercado de Trabalho

Nesta área, há sempre possibilidades de emprego, pois há sempre carros a terem problemas e a precisarem de cuidados.

Mas é também um setor muito concorrido e que exige cada vez mais qualificações e competências aos profissionais.

O desenvolvimento na área automobilística, com a introdução crescente de tecnologias novas, obriga a que os mecânicos estejam a par das mais recentes novidades. Por isso, é fundamental realizar continuamente cursos de aperfeiçoamento em certas áreas.

Para conseguir os melhores empregos, é preciso ter experiência e créditos firmados. Nalguns casos, podem mesmo exigir certificações profissionais para atestar competências na área da mecânica.

Já de seguida, fique a saber o que precisa de fazer para ser mecânico…

Como entrar na carreira de mecânico

A melhor forma de começar a trabalhar na área da mecânica é realizando um curso de qualificação profissional. Os melhores cursos existentes têm parcerias que permitem a realização de estágios em contexto de trabalho, o que constitui uma porta aberta para um emprego.

Se ainda não tem a certeza de que é mesmo isto que quer, mas tem queda e jeito para a mecânica, pode tentar começar a trabalhar algumas horas por dia numa oficina. Há sempre trabalho para fazer e muitas não rejeitam candidatos, desde que mostrem empenho e vontade de aprender.

Essa experiência em contexto de trabalho pode ser importante para perceber todas as condicionantes da profissão. Depois disso, ficará mais certo de querer ou não seguir esta profissão.

De qualquer modo, o principal trunfo para arranjar emprego neste setor, é mesmo fazer uma formação profissional na área de mecânica ou mecatrónica.

Onde estudar para mecânico

Para trabalhar como mecânico não precisa de ter uma formação superior. Todavia, precisa de ter conhecimentos específicos em mecânica e dominar Matemática e Física são mais-valias.

Assim, é pertinente frequentar um curso técnico ou profissional nesta área.

Há entidades como o CEPRA – Centro de Formação Profissional da Reparação Automóvel que promovem cursos profissionais de Reparação e Manutenção Automóvel, incluindo estágios em oficinas reconhecidas.

Estes cursos profissionais são os mais adequados para uma área como a mecânica, onde é preciso deitar mãos à obra para aprender, pois têm uma forte componente prática.

Siga a leitura para conhecer alguns cursos de formação na área da mecânica…

Portugal:

Brasil:

Se tem um MacGyver dentro de si, com mãos que tudo resolvem, um gosto especial por veículos e motores e por montar e desmontar coisas, então ser mecânico é o seu caminho. Se não tem mais dúvidas quanto ao que quer, só precisa de dar os primeiros passos rumo ao futuro. Boa sorte!

Partilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima