Tenista Profissional

Tenista

Mais sobre a profissão

Modalidades:

Presencial, Ar Livre

Matérias relacionadas:

Educação Física Psicologia

Idiomas:

Inglês, Português

Um Tenista é um jogador ou uma jogadora profissional de ténis. Portanto, participa em torneios e em competições desta modalidade desportiva, tanto a nível individual como em pares.

O Ténis é uma modalidade altamente competitiva e exigente. Assim, requer muita preparação física e até algumas capacidades inatas. Além da capacidade de decidir sob pressão, um/uma Tenista tem de ter muita agilidade e rapidez.

Este é um dos desportos mais mediáticos do mundo, até pelos elevados valores dos prémios monetários que envolve. Os Tenistas mais famosos, como, por exemplo, Roger Federer e Serena Williams, estão entre os Atletas Profissionais mais bem pagos do mundo.

Contudo, nem tudo são maravilhas nesta profissão! Trata-se de uma atividade de desgaste rápido, pelo que é uma profissão de curta duração.

Além disso, exige treinos permanentes para manter a forma e melhorar constantemente o jogo.

Mas fica connosco para saberes tudo do universo de quem faz do Ténis profissão…

O que faz um Tenista

O Tenista vive a treinar e a participar em torneios e em competições de ténis. Portanto, é alguém que se dedica a esta modalidade a 100%, ou seja, como profissão a tempo inteiro.

Vê que não estamos a falar de quem tem o hóbi do ténis. Não se trata de jogar com os amigos ou aos fins-de-semana ou de tarde. É uma atividade profissional como qualquer outra, apenas com características ligeiramente diferentes.

Na verdade, para ser Tenista profissional é preciso ter algumas qualidades únicas.

Principais qualidades de um Tenista

Se sonhas ser Tenista para participar em grandes torneios, tens que preencher alguns requisitos, tais como os seguintes:

  • Talento para o Ténis (embora seja preciso também muito trabalho!)
  • Um corpo robusto e fisicamente bem preparado (para aguentar o esforço)
  • Ser paciente (para conseguir lidar com torneios que podem durar várias horas
  • Estar preparado psicologicamente para lidar com as derrotas e as vitórias
  • Capacidade para resistir às adversidades (como as lesões, por exemplo)
  • Gostar de viajar.

Além de tudo isto, um/uma Tenista também precisa de se empenhar muito nos treinos, para chegar aos torneios bem preparado. Trata-se de melhorar a técnica de jogo, mas também a resistência e a capacidade de aguentar os esforços.

Por outro lado, para lá do trabalho no court, também precisa de fortalecer os músculos no ginásio.

Quais as suas funções

O Ténis é um dos desportos mais exigentes em termos profissionais devido aos desafios físicos e mentais que coloca. Como já referimos, exige uma capacidade física assinalável, tanto ao nível da força como da resistência à dor e a elevados níveis de esforço. Mas também requer rapidez e agilidade.

O Tenista precisa de ter também uma excelente capacidade técnica para conseguir fazer todos os movimentos do Ténis na perfeição. Porém, também necessita de ter força para arremessar uma bola e para correr a tempo de acertar nela.

Além disso, o Jogador de Ténis tem de ter uma ótima coordenação entre mão e olho, bem como excelentes reflexos ao nível de um ótimo guarda-redes de Futebol ou de Andebol ou Handebol.

Durante os torneios, a cada jogada, é obrigado a fazer movimentos bruscos, mudando de direção, à medida das respostas do adversário.

Mas também tem de ter um grau de precisão equivalente a um Jogador de Golfe, para conseguir colocar a bola onde quer no court de Ténis. Isso requer um domínio perfeito das técnicas mais complexas da modalidade.

Capacidade de decidir sob alta pressão

Além disso tudo, é preciso ter muita força mental e psicológica para aguentar a pressão dos jogos.

O Ténis é, sobretudo, um desporto individual, embora também seja jogado por pares. Assim, o Atleta Profissional precisa de estar sempre totalmente concentrado para não perder pontos.

Ao contrário dos desportos coletivos, onde há substituições, neste caso, o Tenista está sempre no foco do jogo, o que lhe exige um esforço contínuo.

Assim, precisa de ter capacidades para lidar com isso, para conseguir tomar decisões táticas e estratégicas em ambientes de alta pressão.

Quanto ganha um Tenista

Fazer carreira profissional no Ténis é bem difícil e apenas uma pequena elite de jogadores consegue ganhar os milhões de dólares que vemos associados a Tenistas como Roger Federer, Rafael Nadal, Novak Djokovic ou Serena Williams.

Na verdade, é um grande risco tentar uma carreira como Tenista profissional, pois as hipóteses de conseguir bons rendimentos são reduzidas. Os grandes torneios de ténis garantem bons prémios aos vencedores, mas os Tenistas que vão ficando pelo caminho, ganham quantias mais irrisórias.

Na realidade, a maioria dos milhões ganhos pelas grandes figuras do Ténis resulta de contratos de publicidade ou de patrocínio. Portanto, quando se atinge um determinado patamar, tudo fica mais facilitado. Porém, para isso, é preciso ter qualidade.

Para os atletas que ficam fora do top 100 do Ténis, é difícil ganhar muito dinheiro, o que também limita a sua capacidade de investirem em bons treinadores. Portanto, nesses casos, não se podem esperar ganhos elevados.

Contudo, a satisfação da profissão não tem apenas a ver com o dinheiro, mas sobretudo com a paixão pelo jogo.

Saídas no Mercado de Trabalho

O mundo do Ténis é bastante desafiante e não é muito fácil entrar e triunfar nele. Mas com persistência e talento tudo se consegue.

Contudo, para sonhar com uma carreira profissional, é preciso começar a praticar a modalidade bem cedo. Quanto mais jovem o/a Tenista participar em torneios, mais hipóteses terá de chegar aos patamares mais elevados do ranking de Ténis.

Mas nem sempre isso acontece. É preciso também ter uma grande dose de talento e alguma sorte para conseguir ter sucesso como Tenista.

Além disso, também é preciso ter as condições ideais para praticar a modalidade, pois os courts de Ténis costumam ser ao ar livre. Nestes casos, é melhor ter condições ideais para a prática da atividade, sendo que os climas frios podem colocar dificuldades a este nível.

Alguns Atletas conseguem deixar países frios como a Rússia, por exemplo, mudando-se para países como Espanha, por exemplo, para treinarem melhor.

Os torneios de Ténis têm um carácter um pouco sazonal, uma vez que os grandes torneios realizam-se numa parte do ano, sendo seguidos de um período de menor atividade.

Assim, é mais uma realidade para a qual é preciso estar atento, sendo necessário planear a carreira também de um ponto de vista financeiro.

Como ser Tenista Profissional

Em termos simplistas, para ser Tenista, basta ter uma raquete, uma bola de ténis e um court. Mas, na verdade, é preciso também aprender o jogo, praticar muito e somar pontos para o ranking de Ténis ganhando jogos em torneios oficiais.

Repara que podem ser necessários anos e anos de prática até conseguir chegar ao patamar profissional. Muitos dos Tenistas que lá chegaram começaram a jogar com idades tão jovens como os 5 anos, atingindo o estatuto profissional por volta dos 17, 18 anos.

Esse será um dos cenários ideais, embora não o único, pois quanto mais tarde o Atleta se tornar profissional, menos hipóteses terá de chegar aos melhores lugares do ranking.

Assim, para entrar nesse mundo, é preciso fazer algum investimento, não tanto em equipamentos, mas mais em Treinadores e em toda a preparação física e mental que é necessária.

Passos para te tornares num Tenista Profissional

Para teres uma ideia mais clara do que é preciso para triunfar nessa área, fica com esta lista de passos de como podes tornar-te num Tenista profissional:

  • 1º – Aprende a jogar Ténis desde muito jovem – se possível, com um Treinador só para ti
  • 2º – Entra numa Academia/Clube de Ténis
  • 3º – Participa em Torneios Juvenis
  • 4º – Inscreve-te no circuito profissional de Ténis.

Onde estudar para Tenista

Há vários clubes e academias de Ténis onde é possível aprender a modalidade. Alguns destes espaços envolvem-se em torneios regionais e juvenis, com o intuito de promover uma formação mais completa dos seus Atletas. Portanto, são uma excelente forma de dar os primeiros passos neste desporto.

No caso de jovens com excelentes qualidades e talento evidente para o Tênis, podem pensar em estudar a modalidade lá fora. Espanha é um bom local para quem quer desenvolver o seu Ténis, por exemplo, em locais como a Rafael Nadal Academy e o Centro de Treinamento de Juan Carlos Ferrero em Villena, Alicante.

Mas, claro, que ir para o estrangeiro exige algum investimento. Se não tens capacidade para isso, espreita estas sugestões que te podem ajudar a encontrar uma boa formação em Tênis mais perto de casa…

Portugal:

Brasil:

Depois de teres ficado a conhecer um pouco melhor o universo de um/uma Tenista, sentes-te que tens o que é preciso para triunfar neste mundo tão exigente? Se tens a certeza disso, começa já a treinar! Torcemos pelo teu sucesso.

Mas se ainda tens dúvidas quanto ao que queres para o teu futuro, tenta este Simulador de Profissões para encontrares outras opções adequadas ao teu perfil – para chegares à profissão que te fará feliz!

Partilhar Post

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top